Temporal provoca danos na Região Metropolitana e no Noroeste do RS

Na tarde desta segunda, temporais foram registrados Região Metropolitana de Porto Alegre, Canoas, São Leopoldo e Esteio foram as mais atingidas.

Compartilhe:
Foto: Divulgação/Prefeitura de Esteio

 

Conforme comunicou o Agora RS, áreas de instabilidade provocaram temporal no Rio Grande do Sul nesta segunda-feira (7).

Na tarde desta segunda, temporais foram registrados Região Metropolitana de Porto Alegre, Canoas, São Leopoldo e Esteio foram as cidades mais atingidas. Também há registro de prejuízos na Região Noroeste, Santo Ângelo foi a mais afetada.

Em Esteio, o temporal destelhou casas e estabelecimentos. O forte vento também derrubou  árvores  sobre fiação elétrica, vias e carros. A Defesa Civil do município está avaliando os estragos.

Em Canoas, há vários pontos sem energia elétrica após forte temporal. Os bairros Mathias Velho e Niterói estão entre os afetados. O vento destelhou várias residências. A Defesa Civil de Canos ainda não divulgou um levantamento oficial.

Em São Leopoldo, ocorreu chuva forte com ventania. De acordo com as primeiras informações, houve destelhamentos de casas, árvores caídas e algumas placas arrancadas.

Em Santo Ângelo, o forte temporal ocorreu no começo da tarde. A chuva e o vento forte causaram prejuízos em diversos bairros. De acordo com o primeiro levantamento, cerca de 30 casas destelhadas. Além disso, o temporal derrubou várias árvores pela cidade.

O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil auxiliam a população na retirada de galhos de grande porte que tombaram sobre casas e vias públicas. Parte da cidade está sem energia elétrica.

Os bairros mais afetados foram Olavo Reis, Centro e Missões.

Trensurb

A Trensurb informou que os trens circulam em via única, nos dois sentidos, entre as estações Esteio e Sapucaia devido à queda de galhos de árvores e objetos na rede de energia de tração dos trens. Os intervalos entre as viagens são de aproximadamente 15 minutos.


Compartilhe: