Após implosão do prédio da SSP, acessos para a avenida Castello Branco e FreeWay são liberados

A circulação no sentido Rodoviária – Saída de Porto Alegre segue, no entanto, bloqueada para limpeza da pista no entorno da área onde ficava a SSP.

Compartilhe:
Trânsito na avenida Castello Branco, em Porto Alegre. Foto: EPTC / Divulgação

A avenida Castello Branco, a região do Ponte do Guaíba e o acesso para FreeWay a partir do Centro de Porto Alegre foram liberados para o tráfego de veículos após a demolição do prédio da SSP (Secretaria da Segurança Pública). A detonação dos explosivos obrigou o bloqueio total dessas vias, além de interromper os serviços da Trensurb e da Rodoviária de Porto Alegre, que foi deslocada para o Terminal Conceição.

A autorização para o trânsito de veículos para quem chega a Porto Alegre ocorreu por volta das 9h41 da manhã, cerca de 40 minutos após a detonação. Os primeiros veículos autorizados a passar foram escoltados por batedores da EPTC (Empresa Pública de Transporte e Circulação). Os acessos da Ponte do Guaíba e da FreeWay para o Centro foram desmobilizados logo em seguida.

Leia também: Implosão do prédio que abrigou sede da SSP é concluída em sete segundos

A circulação no sentido Rodoviária – Saída de Porto Alegre foi liberado por volta das 11h. Equipes da Prefeitura de Porto Alegre realizaram a limpeza do entorno da Rodoviária, que foi coberta por uma camada de poeira causada pela implosão. O tráfego a partir da rua Dr. Júlio Olszewski para a Castello e, posteriormente, para a FreeWay foi autorizado no mesmo horário.

A retomada da operação da Trensurb nas estações Mercado, Rodoviária e São Pedro segue prevista para as 12h. Equipes da empresa de trens estão fazendo a limpeza na estação Rodoviária, a mais próxima do local, por causa da poeira causada pela detonação.

O mesmo acontece com a Estação Rodoviária de Porto Alegre. A retomada das operações no terminal segue prevista para 12h.


Compartilhe: