Cambará do Sul: destino surpreendente para viagens de incentivo e de lazer

A pequena Cambará do Sul, cidade localizada na região de Campos de Cima da Serra, no Rio Grande do Sul, abriga os maiores cânions do Brasil.

Crédito: Divulgação

 

A pequena Cambará do Sul, cidade localizada na região de Campos de Cima da Serra, no Rio Grande do Sul, abriga os maiores cânions do Brasil.

A natureza por lá é pródiga e por isso, trilhas, cavalgadas e cachoeiras estão entre as principais atrações do local, que fica a menos de 200 quilômetros de Porto Alegre.

“O destino merece ser descoberto pelos brasileiros, que costumam achar que para se ver cânions é preciso ir até os Estados Unidos”, diz Silvio Sallowicz.  “Nada disso. Aqui também temos paisagens naturais de tirar o fôlego; é impossível não se apaixonar”, completa.

O especialista em viagens recomenda reservar três ou quatro dias para conhecer as principais atrações do lugar. “Um feriado prolongado é a ocasião perfeita”, ressalta.

Sallowicz indica quais são os principais atrativos do destino, quando ir e onde ficar. Assim, fica tudo bem fácil para você eleger Cambará do Sul para sua próxima viagem. Veja, a seguir, os passeios que você não pode perder:

Visitas aos cânions

Itaimbezinho e Fortaleza são os principais cânions em Cambará do Sul. O Itaimbezinho fica no Parque Nacional de Aparados da Serra e o Fortaleza, no Parque Nacional da Serra Geral.

“Contemplar estes imensos paredões provoca uma sensação de encantamento e de contato com o divino que existe em nós e na natureza. As nascentes dos rios, que brotam na terra e deságuam na forma de cachoeiras, completam esse espetáculo natural grandioso”, disse Sallowicz.

“A beleza da região já foi cenário de várias produções televisivas, como por exemplo, a minissérie A Casa das Sete Mulheres, da TV Globo”, completou.

Crédito: Divulgação

Passeios de balão

Há várias empresas que oferecem a experiência de sobrevoar os cânions de Cambará do Sul. “O passeio de balão faz com que a pessoa se sinta, literalmente, nas nuvens”, ressaltou Sallowicz.

“É uma experiência singular, que recomendo a todos que buscam desestressar e curtir cada instante do trajeto. O próprio ritmo do balão possibilita curtir a paisagem em sua plenitude”, afirmou.

Crédito: Divulgação

Curtir o curioso “Passo do S”

A apenas 40 km de Cambará do Sul, o Parque Estadual do Tainhas abriga o “Passo do S”. Este é um lajeado natural do rio Tainhas, onde o nível da água é mais baixo e dá para cruzar de carro, a pé ou a cavalo.

“Logo após o lajeado, alguns metros à frente, o Rio Tainhas se transforma em uma cachoeira surpreendente, com mais de 20 metros de altura”, indica Sallowicz.

Ecoturismo e atividades ao ar livre

Além dos cânions, vale andar de 4×4 pelas estradas locais e se aventurar pelas principais fazendas da região. “Conhecer as cachoeiras também é uma ótima ideia, são várias, sendo que a Tigre Preto e a Cascata dos Venâncios são bastante interessantes”, disse Sallowicz.

Dá também para fazer um passeio de bote, cheio de adrenalina, pelo Rio Camisas. “Os amantes de trekking vão encontrar trilhas extensas e desafiadoras, como a Trilha do Boi, que dura um dia inteiro”, finalizou.

Gostou dessas dicas sobre Cambará do Sul? Vai lá nas nossas redes sociais (Facebook e Instagram) contar pra gente.


Compartilhe: