Quando tudo passar #ViajePeloRS

Já circula pelas redes sociais de influenciadores de esportes, viagem, turismo e gastronomia, a campanha colaborativa “Quando Tudo…

Já circula pelas redes sociais de influenciadores de esportes, viagem, turismo e gastronomia, a campanha colaborativa “Quando Tudo Passar #ViajePeloRS”.

A iniciativa visa fortalecer o turismo no Rio Grande do Sul e valorizar as belezas que estão muito próximas da gente. E o Sem Roteira não poderia ficar de fora dessa.

Vamos contar para vocês sobre o Projeto Nadando Pelos Cartões Postais, que busca incentivar nadadores para visitar lugares desconhecidos e interessantes do Estado gaúcho. O projeto começou com um grupo pequeno, mas hoje já reúne cerca de 90 nadadores independentes.

Veja os roteiros sugeridos pelo projeto:

Belém Novo – Porto Alegre

Mesmo quem reside em Porto Alegre, as vezes não sabe a quantidade de lugares bonitos para se explorar, relativamente próximos ao centro da cidade. Belém Novo as margens do Guaíba é um prato cheio para os amantes dos esportes aquáticos.

Lagoa do Bacopari – Mostardas 

Em Mostardas encontramos a Lagoa do Bacopari, uma piscina natural de águas cristalinas, o que lhe propiciou o codinome de Lagoa Azul. Próxima ao mar, é uma excelente opção para a prática da natação.

Itapuã – Viamão

Não é necessário ir muito longe da Capital gaúcha para encontrar um lugar sossegado, constituído por uma exuberante natureza, com praias de água doce e limpas. A praia de Itapuã marginal ao Guaíba, no município de Viamão é cercada por uma paisagem de morros e fauna nativa do estado. Localizado a 52 km do centro de Porto Alegre, o local preserva ainda o que sobrou do ecossistema original da Grande Porto Alegre.

Lago São Bernado – São Francisco de Paula

São Francisco de Paula é um dos principais destinos dos turistas ao visitarem a Serra gaúcha. O Lago São Bernardo é artificial, foi construído na década de 40, tem uma extensão aproximada de 800 metros e profundidade média de 3 metros e seu entorno desperta a atenção pelo viço da vegetação de mata nativa. Nadar nesse visual encantador, com certeza, faz bem ao corpo e a mente, contribuindo para a qualidade de vida.

Assim como Projeto Nadando Pelos Cartões Postais , o Sem Roteiro também busca incentivar viagens pelo Rio Grande do Sul e apoiamos “Quando Tudo Passar #ViajePeloRS”. A gente adora viajar pelo mundo, mas sem deixar de valorizar os lugares que estão próximos.

 

Total
14
Shares
Notícias relacionadas