Uma viagem especial

Imagem do Puerto Madero. Foto: Sem Roteiro

Buenos Aires tem para nós um sentido especial. Por isso que quisemos voltar. Foi lá que nos “conhecemos” (um dia contaremos essa história e vocês entenderão as aspas, rsrsrs).

A chegada na cidade

Chegamos na cidade de barco (diferente, né? rsrs). Saímos de Montevidéu (veja aqui como foi a nossa viagem por lá) de ônibus até Colônia de Sacramento. De lá pegamos o barco até Buenos Aires. Foi divertido. Para quem ficou interessado, a dica é ir na rodoviária de Montevidéu, lá tem duas empresas responsáveis pela travessia.

A hospedagem

Ficamos hospedados no hostel Florida na rua Florida (muito bem localizado). Lá também tem um pub que funciona todas as noites, mas como a gente não é de noitada, acabamos não indo ver como era (o nosso negócio é bater perna pelas ruas …hahaha).

O prédio do hostel é bem antigo, a sala comum é bem ampla e os “recepcionistas” falam português (e várias outras línguas, kkkkk) ficamos impressionados!

O local é bem seguro, pois a passagem só é liberada mediante apresentação da pulseira que recebemos na chegada e usamos em toda a estadia.

San Telmo

San Telmo realmente é um bairro diferente em Buenos Aires, bem tranquilo para passear. Ele tem um ambiente boêmio e ao mesmo tempo tem várias feiras e lojinhas de antiguidade. Ah sem dizer da grande personagem que tem no bairro: a boneca Malfada.

A gente caminhou bastante até chegar até o bairro, mas valeu apena! Aliás, o cenário em Buenos Aires é lindo, não tem como ficar cansado!

Puerto Madero

Puerto Madero foi o primeiro lugar que a gente colocou os pés em Buenos Aires, onde o barco realizou o desembarque. A sensação é de estar em um aeroporto.

Mas falando dele como um lugar turístico… é outro ponto que merece ser visitado! É um lugar que tem bastante gente aproveitando o espaço, mas o ambiente é de tranquilidade. E se você for durante à tarde, vai ver um lindo pôr do sol.

Foto: Sem Roteiro

Plaza de Mayo e arredores

Vamos falar de um lugar que é meio louco em Buenos Aires: a Plaza de Mayo. O lugar é lindo! E também chama atenção os prédios antigos e enormes que tem aos arredores, sem dizer das igrejas.

Mas o motivo que o lugar é meio louco é porque é o ponto onde acontece os protestos. É comum ver grupos protestando próximo da Casa Rosada, mas tudo é meio rápido. Quando você pensa que nada mais vai acontecer… de repente chega outro grupo fazendo outro tipo de protesto (o negócio e não se importar e continuar turistando kkkk)

Os cafés

Não tem como não falar de uma coisa que a gente ama: café. A gente adora colocar no Google Maps a palavra Starbucks. E Buenos Aires tem vários (para nossa alegria hahaha). É muito bom viajar e poder tomar café nas cidades que a gente vai. Esse isso nós não sentimos falta!

Mas o lugar que a gente mais gostou de tomar café foi no famoso Café Tortoni. O lugar é antigo e muito bonito (parecia que a gente estava em outra época por causa do ambiente). Só tem que cuidar que às vezes dá muita fila, principalmente pela manhã cedo).

Até agora a gente fica comentando sobre o lugar (Ah que saudade dos churros… hahaha).

Bom gente… contamos um pouquinho da nossa aventura por Buenos Aires! Para quem não a conhece, é uma cidade muito prazerosa para passear! E essa cidade está marcada para nós!

Total
2
Shares
Leia também