Roteiro germânico com arquitetura preservada: essa foi a Novo Hamburgo que conhecemos

Muitos ao falar sobre Novo Hamburgo o primeiro adjetivo que vem sobre o município é: a Cidade do…

Muitos ao falar sobre Novo Hamburgo o primeiro adjetivo que vem sobre o município é: a Cidade do Calçado. Tudo bem… a gente também foi atrás de calçados e promoções (hahaha)! Mas depois das compras, o casal aqui o que mais gosta de fazer: passear pela cidade!

Casarão antigo

Hoje vamos contar para vocês o que chamou a nossa atenção em Novo Hamburgo, uma das cidades que faz parte do roteio germânico no Rio Grande do Sul.

Depois de sairmos do shopping de calçados, a primeira coisa que procuramos foi a Cidade Velha. Mas no meio do caminho avistamos o Santuário das Mães no alto, mudados o trajeto e fomos até lá. Sim, a gente faz isso direto, marca um coisa e faz outra… hahaha (Google Maps que fica confuso, hahaha).

Santuário das Mães

O trajeto é bem bonito, reparamos casarões antigos (isso a gente adora admirar)! Também dá pra sentir que estamos em um dos pontos mais alto da cidade. No santuário, percebemos que muitos utilizam o local para tomar chimarrão e conversar com amigos e familiares. É um lugar bem bacana, e a entrada é grátis!

Mas o lugar onde a gente mais caminhou foi pela Cidade Velha! Esse lugar faz esquecer “a cidade dos calçados” e faz imaginar como era antigamente. A arquitetura ganha destaque.

Casarão Antigo

Casarão Antiho

Na avenida Daltro Filho (Bairro Hamburgo Velho), por exemplo, a gente viu vários casarões antigos e bem preservados, fez lembrar da cidade de Rio Pardo (até o cheirinho de museu a gente sentiu… hahaha).

Aliás, nesta avenida tem a Fundação Ernesto Frederico Scheffel. O prédio, construído em 1890, representa bem isso que a gente está falando. E se tu gosta de história e arte é um dos locais que a gente te indica (o museu fica aberto até as 17h de segunda a sexta-feira).

Fundação Ernesto Frederico Scheffel

Então agora, para fechar com chave de ouro a nossa passagem pela cidade, claro que não poderíamos deixar faltar uma visita em alguma igreja (a gente quase não gosta, hahaha). Encontramos duas lindas em Hamburgo Velho. Em uma delas estava rolando um casamento (será um sinal, hahaha).

Igreja em Hamburgo Velho

Igreja em Hamburgo Velho

Deixamos aqui a dica para quem quer aproveitar as compras na cidade do calçado, mas também quer ver algo novo e se encantar com a arquitetura da cidade. A gente adorou! E queremos voltar porque o cheiro de uma hamburgueria parecia cheiro de churrasco, daí queremos descobrir se é bom mesmo (hahahahaha).

Total
5
Shares
Notícias relacionadas