Porto Alegre tem abril mais quente desde 1936

Levantamento foi divulgado pelo sistema Ceic Metroclima. Foto: Brayan Martins/ PMPA
Os últimos dias de abril deste ano foram de muito calor e abafamento em Porto Alegre, lembrando mais do verão do que outono.  Segundo o sistema Ceic Metroclima, um bloqueio atmosférico resultou no abril mais quente do século.
De acordo com o levantamento do Ceic Metroclima, em 2018 o mês teve temperatura média de 23,4ºC, ficando 3,3ºC acima da média histórica de 1961 a 1990, de 20,1ºC. Já a média das temperaturas máximas de abril foi 29ºC, 4ºC acima da média histórica do mês de 25ºC.
Segundo a meteorologista Estael Sias, o bloqueio atmosférico impediu a chegada de frentes frias, resultando em poucos dias de chuva. Em Porto Alegre, foram apenas seis dias de instabilidade. Ainda assim, a média histórica de precipitação do mês de 86,10mm foi ultrapassada. Os pluviômetros da Restinga registraram 135mm, por exemplo.
O sistema Ceic Metroclima ressalta que na série histórica de dados, entre 1910 e 1936, existem períodos sem observações, sendo considerados os dados a partir de 1936. Com isso, abril de 2018 já desponta como o abril mais quente de Porto Alegre desde 1936.

 

De 1936 e 2018, os meses de abril mais quentes na cidade foram:
2018 – 23,4ºC
1941 – 23,2ºC
2016 – 22,4ºC
1980 e 2004 – 22,1ºC
2007 – 22ºC