Em Rio Grande

Médico é preso por abusar sexualmente de suas pacientes

Dalmo Batista Soares foi preso no seu consultório. (Foto: Polícia Civil/divulgação)

Nesta terça-feira um médico de 68 anos foi preso em Rio Grande. Dalmo Batista Soares foi condenado pela prática de abuso sexual de pacientes. Ele deverá cumprir a pena de quatro anos e três meses em regime semiaberto.

Três pacientes do médico denunciaram os abusos para a polícia. Dois casos foram em 2006 e em 2013 no consultório particular de Soares . O terceiro foi em 2016, no Hospital Universitário da Universidade Federal do Rio Grande. No boletim de ocorrência, a paciente relatou que chegou com fortes dores abdominais, foi quando o médico teria feito o exame de toque e tentado beijar a paciente.

O mandado de prisão foi expedido pela Justiça na última quinta-feira (28), mas foi cumprido pela Polícia Civil nesta terça. Soares foi detido no consultório, localizado no centro de Rio Grande, e encaminhado à Penitenciária Estadual do município.

Leia mais:  Chuva causa alagamentos e Porto Alegre terá ventos fortes nesta terça