Gre-Nal 416

Grêmio é melhor, mas Inter consegue segurar empate em jogo sem gols na Arena

Foto: Ricardo Duarte/Inter

O Gre-Nal 416, válido pela 5ª rodada do Campeonato Brasileiro foi disputado na tarde deste sábado, na Arena, e terminou empatado em 0 a 0. Durante todo o jogo o lado azul buscou o ataque e o lado vermelho se desdobrou em esforços para impedir o gol dos donos da casa.

Ambas equipes apresentaram surpresas na escalação. Pelo Inter, o camisa 10 D’Alessandro sentiu desconforto muscular e deu lugar a Rossi, já no tricolor, quem ficou de fora foi o lateral Léo Moura, também lesionado; Madson entrou na posição.

O clássico ainda trouxe como atração a estreia de Zeca no Inter, jogando como volante, e a escalação de Alisson no Grêmio, na vaga de Ramiro que estava suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Com a bola rolando, a superioridade gremista começou a ficar evidente muito rápido. Na primeira etapa, o time de Renato teve mais de 70% de posse de bola e o panorama do jogo foi muito claro. Enquanto o Grêmio trocava passes, movimentava seus jogadores e tentava armar jogadas de ataque, o Inter se limitava às ações defensivas, muito compactado do meio para trás, fazendo uma marcação forte.

E a estratégia dos comandados de Odair Hellmann deu certo na primeira etapa. Durante os primeiros 45 minutos a melhor chance tricolor veio em uma bola parada, com um cabeceio perigoso do zagueiro Pedro Geromel. E como era esperado, essa estratégia fez, também, com que o Inter não fosse ativo no setor de ataque, tanto que o goleiro Marcelo Grohe não fez uma defesa sequer até o intervalo.

Um lance foi bastante reclamado pela equipe de Portaluppi no primeiro tempo. Para os gremistas teria havido pênalti do lateral Fabiano em cima de Bruno Cortez. O jogador tricolor recebeu de Maicon dentro da área e teria sido puxado pelo atleta do Inter.

No segundo tempo o Tricolor jogou de maneira mais aguda, conseguindo vencer o cerco defensivo colorado por várias vezes. Logo no primeiro minuto André desperdiçou uma chance incrível de abrir o placar quando recebeu, dentro da área, cruzamento de Luan e chutou por cima do gol de Danilo Fernandes.

Além disso, o Grêmio reclamou de mais dois lances de pênalti não marcados pelo árbitro. Um em Luan e outro em Éverton. Mas a melhor oportunidade para o tricolor chegar ao gol veio, mais uma vez, em bola aérea. Luan cobrou escanteio e Madson cabeceou forte obrigando Danilo Fernandes a fazer ótima defesa. No rebote Geromel poderia ter concluído mas errou a bola.

Com o resultado, o time colorado ficou satisfeito com o ponto conquistado fora de casa e os gremistas, que viram seu time buscar a vitória durante todo o jogo, saíram reclamando muito do árbitro e lamentando dois pontos desperdiçados.

Uma confusão aconteceu assim que o árbitro Wilton Pereira Sampaio apitou o fim da partida. No último lance do jogo um sinalizador foi jogado pela torcida do Grêmio em direção ao campo e caiu dentro da grande área onde o time ainda tentava um lance de ataque.

Depois do apito alguns jogadores colorados foram até o árbitro reclamar e uma discussão entre atletas das duas equipes começou. Integrantes dos dois bancos de reservas entraram em campo e o clima esquentou quando D’Alessandro, que não jogou, bateu boca com Luan. O torcedor que jogou o sinalizador para o campo foi detido pelos seguranças.