Sem força e sem futebol, Inter leva 2 a 0 do Flamengo no Maracanã

Foto: Ricardo Duarte/Internacional

O Internacional não foi capaz de segurar pelo menos um empate com o Flamengo, em jogo disputado no Maracanã na tarde deste domingo, válido pela 5ª rodada do Brasileirão, e voltou do Rio de Janeiro com uma derrota de 2 a 0 na bagagem. Os gols rubro-negros foram marcados por Lucas Paquetá e Éverton Ribeiro, no segundo tempo.

Sem Edenílson, suspenso, o técnico Odair Hellmann decidiu escalar o volante Gabriel Dias para compor o meio campo, enquanto na frente, a dupla escolhida para comandar o ataque colorado foi Pottker e Leandro Damião. Mas nem o ataque foi atuante e muito menos o meio campo de contenção tece sucesso ao impedir a criação de jogadas por parte do time flamenguista. Até mesmo jogadores que normalmente apresentam bom desempenho, como D’Alessandro e Patrick, sucumbiram no Maracanã.

Desde os primeiros movimentos da partida, ficou claro que a postura do time gaúcho era de se fechar no campo defensivo para garantir pelo menos um ponto. A prova irrefutável do uso dessa estratégia foram as escassas chances de gol do Inter. Na primeira etapa, em apenas uma oportunidade o Colorado levou perigo à meta do Flamengo, quando Leandro Damião cabeceou com força para a defesa do goleiro.

E o prejuízo vermelho não se limitou à derrota, aos 30 da segunda etapa, quando o Inter já estava em desvantagem no placar, o atacante Pottker se envolveu em uma confusão com alguns jogadores adversários e foi expulso de campo após agredir Vinícius Jr.

Com a vitória, os cariocas permanecem como líderes do Campeonato Brasileiro, agora com 10 pontos, enquanto o Inter, que soma apenas 4, não supera a 12ª posição. E as dificuldades para o Colorado não param por aí, o próximo confronto, no sábado, é contra o Grêmio, fora de casa.