Em amistoso, Brasil vence Alemanha com gol de Gabriel Jesus

Foto: Divulgação/CBF

Foi um amistoso. Foi contra um time misto da Alemanha. Não foi em uma Copa do Mundo. Ok, tudo isso é verdade, mas a vitória do Brasil por 1 a 0 na tarde desta terça-feira serviu, mesmo que um pouco, para diminuir o peso da goleada de 7 a 1 de 2014.

Com as duas seleções em preparação final para o mundial da Rússia, o amistoso disputado no estádio Olímpico de Berlim serviu para os treinadores testarem formações de time e estratégias de jogo antes das convocações finais.

Ainda sem Neymar, Tite trocou a equipe em relação ao confronto contra a Rússia. Tirou Douglas Costa e colocou Fernandinho para fechar mais o setor de meio campo. O ataque foi formado por Gabriel Jesus avançado e a aproximação de Phillippe Coutinho e Willian. Casemiro, Fernandinho e Paulinho completaram o meio.

A seleção alemã, mesmo com muitos jogadores reservas, mostrou muita força pelo lado esquerdo, principalmente na primeira etapa. O centroavante Mario Gómez deu bastante trabalho a Miranda e Thiago Silva, mas, apesar de bastante volume de jogo, o time europeu não teve uma chance claríssima de abrir o placar.

O toque de bola brasileiro encontrava bastante dificuldade para vencer a barreira montada por Joachim Löw. Os jogadores alemães atuavam muito compactados, atacando e defendendo muito bem.  Mas o gol brasileiro saiu em uma roubada de bola, o que causou desorganização na zaga dos donos da casa. Willian e Daniel Alves fizeram boa jogada pela direita e o meia fez ótimo cruzamento que encontrou Gabriel Jesus de frente pro gol para cabecear. O goleiro ainda tentou defender mas não impediu a bola de cruzar a linha.

Na segunda etapa o time brasileiro teve mais posse de bola e parecia à vontade em campo. Com a vantagem, os comandados de Tite comeram a avançar e tiveram boas oportunidades para aumentar o marcador, principalmente com Philippe Coutinho.

O treinador brasileiro fez apenas uma modificação no times nos 45 minutos finais. Douglas Costa entrou no lugar de Coutinho e teve boa atuação, praticamente garantindo uma vaga na Copa do Mundo.

Dessa forma, o Brasil fechou a sequência de amistosos com duas vitórias seguidas e enfrenta ainda Croácia e Áustria antes da estreia no Mundial da Rússia.