Feira Brasileira do Varejo é aberta oficialmente em Porto Alegre

Solenidade aconteceu no Centro de Eventos Fiergs, nesta segunda-feira. Foto: Divulgação
Solenidade aconteceu no Centro de Eventos Fiergs, nesta segunda-feira. Foto: Divulgação

A 6ª edição da Feira Brasileira do Varejo (FBV) foi aberta na manhã desta segunda-feira (28), no Centro de Eventos Fiergs, com a presença de autoridades, fornecedores, lojistas, expositores e imprensa.

O presidente do Sindilojas Porto Alegre, Paulo Kruse, lembrou que, desde sua primeira edição, a FBV é resultado de muito trabalho e determinação, e comemorou o avanço da feira que hoje ocupa 14 mil metros quadrados. “A FBV é um exemplo do que podemos construir”, completou.  

Pedindo a união do setor, Kruse também destacou a força do empreendedorismo e lembrou que a Feira já colaborou para o surgimento de muitas entidades. Também ressaltou o empenho e a dedicação dos diretores e colaboradores do Sindilojas Porto Alegre para que a sexta edição pudesse ser realizada com sucesso.

O presidente da 6ª FBV, Ronaldo Sielichow, destacou que o evento busca promover parcerias e trazer novidades para o setor. Ele frisou também a importância da cooperação para vencer as adversidades: “É um momento de união para aqueles que buscam o desenvolvimento por meio do trabalho”.

“Na sua sexta edição, a FBV mostra o vigor e a vontade de crescer do segmento de serviços, que responde a boa parte da economia e que é para muitas pessoas o primeiro emprego”, afirmou o presidente da Fecomércio RS, Luiz Carlos Bohn.

Em um mercado cada dia mais competitivo e globalizado, ele enalteceu a iniciativa da FBV, que traz o que existe de mais moderno para o varejo e ajuda a criar um ambiente favorável aos negócios.

“Hoje, nosso concorrente não está do outro lado da rua, está do outro lado do mundo. A tecnologia transforma a realidade do varejo e a FBV ajuda o segmento a entender e se adaptar às mudanças do mercado”, destacou.

O vice-governador do Estado, José Paulo Cairoli, afirmou que é preciso valorizar cada vez mais aqueles que geram riqueza e que é preciso rever a carga tributária para que o Estado caiba no bolso do cidadão.

O prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Júnior, enalteceu a grandeza e o empreendedorismo da Feira, que dá visibilidade positiva ao Estado. “É uma iniciativa que coloca o interesse público acima dos interesses corporativos e ajuda a divulgar a cidade positivamente dentro e fora do Estado”, frisou.

Com visitação aberta e gratuita ao público, a 6ª edição da FBV reúne cerca de 70 expositores de empresas especializadas em soluções de tecnologia, gestão, segurança, marketing, entre outros serviços e produtos voltados ao segmento.

São esperadas cerca de oito mil pessoas que, além de visitar os estandes, conhecer as principais novidades do setor e fazer negócios, poderão assistir gratuitamente às palestras do FBV Talks, que acontecem durante os três dias de evento, novidade nesta 6ª edição.

Paralelo à Feira acontece o Congresso Brasileiro do Varejo com mais de 40 painelistas de renome nacional no setor. Entre os palestrantes confirmados estão José Galló, diretor-presidente da Lojas Renner; Caito Maia, fundador e presidente da Chilli Beans; João Appolinário, fundador e proprietário da Polishop; Martha Gabriel, escritora e consultora, Eduardo Tevah, empresário, consultor e palestrante; Patrícia Palermo, economista-chefe da Fecomércio-RS; Gil Giardelli, estudioso de cultura digital, e Nathalia Arcuri, influenciadora digital, coach financeira e criadora do canal Me Poupe!.

A Programação completa e inscrições para o Congresso está disponível no endereço www.feirabrasileiradovarejo.com.br/congresso/palestrantes-2018/.