Em Porto Alegre

Ação conjunta é realizada para combater crimes contra a saúde pública

Aproximadamente 3 mil óculos de grau e de sol foram apreendidos. Foto: Polícia Civil/Divulgação

Nesta quinta feira, a Polícia Civil e a Brigada Militar realizaram uma ação conjunta para combater crime contra a saúde pública. Aproximadamente 3 mil óculos de grau e de sol, fabricados fora da normatização prevista em legislação específica foram apreendidos no Centro de Porto Alegre.

A Operação Integração IV, combate crimes contra a saúde pública que ocorrem com o comércio ilegal de óculos de grau impróprios para o uso. Os policiais civis e militares fiscalizaram a ação de ambulantes na Capital gaúcha para verificar a comercialização desses óculos, na maioria feitos de lixo reciclável e que são vendidos irregularmente em vários pontos do Centro.

Segundo o delegado Fernando Soares, a venda desses óculos é prejudicial à saúde do consumidor. “Estes produtos são fabricados a partir de lixo reciclável e não seguem a normatização prevista na lei específica sobre o assunto. São vendidos sem receita médica e podem causar sérios riscos à população”, disse.

O material apreendido será encaminhado à perícia para comprovar a materialidade do delito.