Liberação do trânsito na Farrapos está prevista para o dia 27

Essa foi a primeira das obras da Copa retomada após empréstimo do Banrisul. Foto: Cesar Lopes/ PMPA

A liberação do trânsito na alça de acesso da avenida Farrapos na trincheira da Ceará está programada para o dia 27. A mudança estava prevista para ocorrer em um prazo de três semanas após a retomada dos trabalhos, mas as chuvas no fim de março e a falta de Cimento Asfáltico do Petróleo (CAP) na empresa provocaram atrasos na colocação do pavimento na via. De acordo com a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), aproximadamente 75 mil veículos/dia circulam pela região. A data foi confirmada após vistoria da prefeitura com a empresa nessa semana.

O insumo foi adquirido pelo consórcio Conpasul Construções Ltda, Sogel Ltda e Toniolo, Busnello de Araucária (PR), junto à subsidiária da Petrobras. A unidade de Canoas está em manutenção programada até o início de maio, informa a prefeitura. O CAP é essencial na produção do Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ), sem o qual fica inviabilizada a produção de revestimento asfáltico.

De acordo com o executivo, a mudança na política de reajuste de preços da Petrobras causou um impacto nos contratos vigentes, provocando maior dificuldade no fornecimento, tendo reflexos tanto para obras públicas quanto para empreendimentos geridos pelo setor privado.

Os trabalhos na trincheira da Ceará recomeçaram em 23 de março. Essa foi a primeira das obras da Copa 2014 retomada após a liberação de um empréstimo do Banrisul à prefeitura. A passagem de veículos pela trincheira – a parte de baixo da obra – só deverá ter tráfego em setembro, quando está previsto o fim dos trabalhos.