Grêmio bate o Goiás fora de casa e abre ótima vantagem na Copa do Brasil

Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O Grêmio abriu sua participação nas oitavas de final da Copa do Brasil jogando com o Goiás no estádio Serra Dourada, na noite desta quarta-feira, e venceu pelo placar de 2 a 0, com gols marcados pelo atacante Éverton e também por Luan, de pênalti. O excelente resultado faz com que o time tricolor possa até mesmo perder por um gol de diferença para se classificar à próxima fase da competição na partida de volta, que será disputada na Arena, em maio.

O técnico Renato Portaluppi resolveu não poupar ninguém para o confronto, mesmo com uma sequência de jogos importantes pela frente para o Grêmio, incluindo jogo com o Botafogo pelo Brasileirão, no Rio de Janeiro, e partida importante contra o Cerro Porteño, na próxima terça, pela Libertadores da América, em Porto Alegre.

Apenas dois jogadores do time titular ficaram de fora. Léo Moura, machucado, deu lugar à Madson, e  André, que ficou no banco por escolha do treinador gremista, viu Jael comandar a linha de frente do Tricolor.

Com essa formação, o Grêmio não teve maiores dificuldades para ganhar o jogo. Mesmo sem forçar muito contra os goianos, não demorou muito para o time gaúcho assumir o comando das ações e, com as trocas de passes e a movimentação características dos seus jogadores, dominar a partida. o Tricolor, inclusive, ocupou com naturalidade o campo de ataque, evitando qualsquer chances de avanço dos donos da casa.

Os gols saíram na segunda etapa. Logo no início da parte final, o atacante Éverton recebeu a bola na entrada da área, aplicou um drible incrível no zagueiro e saiu na cara do gol para marcar o primeiro. Excelente jogada do avante que, desde o final do ano passado, tem sido importante peça no setor ofensivo do time.

A vantagem, que já era boa para uma partida fora de casa, ficou ainda melhor quando, aos 22 minutos, o Goiás tentou sair da defesa e se atrapalhou. Luan tomou a bola e avançou para dentro da grande área. O zagueiro David Duarte impediu a passagem do meia gremista com falta e o árbitro Flavio Rodrigues de Souza marcou o pênalti. Luan cobrou com categoria e fez o segundo.

E o camisa sete do Grêmio continuou fazendo estrago na defesa goiana. Aos 30 ele recebeu ótima reposição de bola do goleiro Marcelo Grohe e sairía sozinho na frente do goleiro se não fosse parado com falta por Madson, que acabou sendo expulso. Na cobrança da falta, Jael bateu para fora.

O time de Renato volta a campo no sábado contra o Botafogo, pelo Brasileirão, e depois joga pela Libertadores da América, contra os paraguaios do Cerro Porteño, na Arena.