MENOS POLUENTES

Ônibus elétricos entram em operação em Porto Alegre

Os veículos já circulavam pela cidade desde o início do ano e agora passam a integrar a frota em teste por mais 30 dias

Compartilhe:
Foto: Alex Rocha/PMPA

O transporte público de Porto Alegre passou a contar, nesta segunda-feira (5), com dois novos ônibus 100% elétricos. Os veículos, que são verde e lilás,  já circulavam pela cidade desde o início do ano e agora passam a integrar a frota em teste por mais 30 dias. Neste período, os ônibus farão a linha 520.3 – Triângulo/24 de Outubro/Auxiliadora.

Conforme a prefeitura de Porto Alegre, os ônibus farão 32 viagens, 16 por sentido. Os trajetos serão oferecidos em tabela extra. Os ônibus em teste chegaram em 16 de dezembro e passaram por um período de adaptações no veículo e treinamentos com motoristas. Os dois veículos têm ar condicionado, acessibilidade com espaço reservado para idosos e cadeirantes cadeirantes.

Um dos ônibus é o Attivi Integral da Marcopolo. Ele tem 12,95 metros de comprimento, capacidade para até 81 passageiros, com 36 assentos, autonomia de até 280 quilômetros rodados, baterias LFP com 396,8kWh  (Quilowatt-hora) de capacidade com tempo de recarga de quatro horas. O ônibus da Caio/Eletra e Millenium possui 12,1 metros de comprimento, capacidade para 70 passageiros, com 28 assentos, autonomia de 200 a 250 quilômetros e banco de baterias 360kWh.

Os ônibus atendem ao chamamento público publicado em julho de 2023 pela SMMU (Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana). Outros fabricantes, além da  Marcopolo da Caio/Eletra e Millenium, ao longo do ano.

Eletromobilidade

A expectativa da prefeitura é, até maio, dar início ao projeto-piloto para implementação de 12 novos veículos elétricos no sistema de transporte da Capital. A implementação faz parte do projeto da administração pública chamado  “eletromobilidade”, que visa contribuir para uma cidade “mais moderna e sustentável”. Segundo a prefeitura, esses dois veículos de hoje promovem uma redução na emissão de gases poluentes de 128 toneladas por ano.

O projeto-piloto tem previsão de início no primeiro semestre de 2024 com duas linhas totalmente elétricas. No piloto, as linhas 178.1 – Praia de Belas Elétrica, que vai do Terminal Azenha ao Centro via Borges de Medeiros, e a nova linha Integradora, que terá partida também na Azenha rumo ao Centro.

Itinerário

A linha 520.3 – Triângulo/24 de Outubro/Auxiliadora foi escolhida pelas suas características de extensão, carregamento e percurso, com aclives e declives, ideais para os testes.  Com saída no terminal Triângulo, o itinerário percorre as avenidas Assis Brasil, Plínio Brasil Milano, rua 24 de Outubro, avenida Independência, rua Pinto Bandeira, avenida Mauá até o terminal da praça Revolução Farroupilha, próximo ao Mercado Público. No sentido Centro-Bairro, percorre a avenida Júlio de Castilhos, rua Cel. Vicente, avenida Alberto Bins, rua Senhor dos Passos, Praça Dom Feliciano, avenida Independência, rua Mostardeiro, avenida Goethe, rua Dr. Timóteo, rua Dr. Poty de Medeiros, rua Quintino Bocaiúva, rua Eudoro Berlink, rua Carlos Trein Filho, rua Ten. Cel. Fabricio Pilar, rua Pedro Chaves Barcellos, avenida Plínio Brasil Milano, avenida Assis Brasil até chegar no Terminal Triângulo.

Quer receber notícias no WhatsApp?
Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Compartilhe:
error: