MEIO AMBIENTE

Representantes do Estado e da Capital se reúnem com CEEE Equatorial para discutir poda de árvores

A questão das árvores se tornou ponto de tensão após a passagem dos temporais do último dia 16 de janeiro

Compartilhe:
Ventania derrubou árvore na zona leste de Porto Alegre. Foto: Fernando Pereira/Especial/Agora RS

A Prefeitura de Porto Alegre, a CEEE Equatorial e a Fepam (Fundação Estadual de Proteção Ambiental) tiveram uma reunião, na manhã desta terça-feira (23), na sede da Sema-RS (Secretaria do Meio Ambiente e Infraestrutura), que também participou das discussões. O objetivo foi discutir competências sobre podas e supressões de árvores na capital. O Estado participou como intermediador do encontro.

A questão das árvores se tornou ponto de tensão após a passagem dos temporais do último dia 16 de janeiro. Isso porque, segundo a CEEE Equatorial, através de seu diretor-presidente, Riberto Barbarena, a falta de energia elétrica) não foi motivada pela falta de poda, mas pela quantidade de árvores de grande porte que caíram sobre a rede de energia elétrica.

A reunião teve como objetivo elucidar as competências sobre podas e supressões de árvores na Capital – Foto: Vanessa Trindade/Sema

A Prefeitura de Porto Alegre alega, no entanto, que as árvores são um ativo importante da cidade, que atualmente possui cerca de 1,3 milhão unidades. Mais do que um ativo, ressalta a titular da Sema, Marjorie Kauffmann, reforçou que as árvores são elementos de ordenamento urbano e de conforto ambiental e que há legislações específicas para questões de manutenção da rede de energia elétrica.

Segundo o governo do RS, o encontro terminou com a definição de que será dado o encaminhamento para a formalização de um termo de cooperação entre a prefeitura, a CEEE Equatorial e a Sema. O objetivo é “definir fluxos eficientes nos serviços de manutenção (poda e supressão) da vegetação que tem relação com as redes de energia elétrica, bem como ações em eventos climáticos extremos”, conclui a nota.

Quer receber notícias no WhatsApp?
Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Compartilhe:
error: