Custo de vida nas alturas

Preço do aluguel sobe e bate recorde em Porto Alegre

Em novembro, o valor médio do metro quadrado subiu quase 1% em relação a outubro.

Compartilhe:
Avenida Carlos Gomes, esquina com a rua João Caetano, no bairro Três Figueiras. Foto: Alex Rocha/PMPA

O preço do aluguel segue batendo recorde em Porto Alegre, conforme dados do Índice de Aluguel QuintoAndar Imovelweb.

Em novembro, o valor médio do metro quadrado atingiu R$ 31,83, alta de 0,96% em comparação com outubro. Em 12 meses, a alta acumulada é de 14,62%, maior percentual registrado desde 2020.

Segundo Thiago Reis, gerente de Dados do QuintoAndar, os dados mostram um processo de lenta acomodação dos preçosm, que atingiram um patamar muito alto na recuperação pós-pandemia. “[Os preços] Têm crescido, mas na maioria das cidades num ritmo menor. Será preciso compreender a dinâmica na alta temporada, que se inicia nos próximos dias, para ver como o mercado residencial de aluguel vai se comportar em cada uma das praças”, afirma .

Segundo o indicador, o crescimento dos preços está espalhado por todas as regiões da cidade de Porto Alegre. Dos 42 bairros analisados pelo índice, 33 tiveram valorização nos últimos 12 meses, o equivalente a 80% das regiões da cidade.

No período, o Partenon registrou a maior valorização da capital gaúcha, com 49,8% de aumento no preço do metro quadrado. O bairro da zona leste é seguido por Jardim Botânico (47,1%), Auxiliadora (45%), Cidade Baixa (38,4%) e Mont’Serrat (36,7%). Apenas dois bairros tiveram desvalorização: Bela Vista (-9,5%) e São Sebastião (-6,7%).

Os bairros que têm o valor mais alto por metro quadrado são Três Figueiras, com R$ 54,1; Mont’Serrat, com R$ 46; e Praia de Belas, com R$ 44,8.

O fenômeno não é exclusivo da Capital gaúcha. A valorização dos bairros de alto padrão aquisitivo das seis capitais pesquisadas pelo indicador segue constante. No Rio de Janeiro, por exemplo, o preço do metro quadrado no Leblon ultrapassou a barreira dos R$ 100, algo que era inédito até então.

Quer receber notícias no WhatsApp?
Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Compartilhe:
error: