Região Noroeste

Polícia investiga morte de criança de 1 ano em Iraí

Menina, que teria um ano e meio, apresentava lesões e hematomas.

Compartilhe:

A Polícia Civil de Iraí, na região Noroeste do Rio Grande do Sul, abriu inquérito para investigar a morte de uma criança indígena. O caso ocorreu na sexta-feira (29).

Conforme a Brigada Militar, motoristas que passavam pela BR-386 viram a mulher com a criança nos braços sobre o rio Uruguai, que separa o Rio Grande do Sul de Santa Catarina. Havia suspeita de quem passava pelo local de que ela pudesse se atirar no rio. Um motorista de caminhão parou e conseguiu tirar a mãe e a filha, de cerca de um ano e meio do local e as levou até um Batalhão Fazendário da BM.

Os brigadianos levaram a mãe, de 20 anos, a bebê para o hospital de Iraí, onde os médicos atestaram que a criança estava morta. Lesões e hematomas foram identificados no corpo da menina. O cadáver foi encaminhado a um PML (Posto-Médico Legal), onde foi submetido a um exame de necropsia para apontar a causa da morte.

A mãe foi detida e encaminhada à Polícia Civil de Frederico Westphalen para prestar depoimento. Ela se manteve em silêncio quando questionada sobre o que aconteceu. A mulher foi encaminhada para a Funai (Fundação Nacional do Índio).

Quer receber notícias no WhatsApp?
Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Compartilhe:
error: