Radar no RS

Selecionada empresa que vai fornecer monitoramento meteorológico

A escolha foi feita por meio de pregão eletrônico realizado nesta terça-feira (28)

Compartilhe:

O governo do RS realizou nesta terça-feira (28) pregão eletrônico para a contratação de serviços de monitoramento, acompanhamento e alerta meteorológico. O leilão eletrônico foi vencido pela empresa Southern, de São Paulo. Ela apresentou o menor lance, de R$ 25,94 milhões, 5,8% abaixo do valor de referência.

A proposta e especificações foram avaliadas e aceitas pela Celic (Central de Licitações) em conjunto com a Casa Militar após atenderem as especificações solicitadas no edital. Agora, a Celic fará a análise das documentações de habilitação.

O processo licitatório contempla ainda prazos para a apresentação de recursos e também passa pela avaliação dos órgãos de controle do Estado. Uma vez cumpridas todas as etapas, fica autorizada a homologação do certame, que é a publicação do resultado final no Diário Oficial do Estado.

Após a assinatura do contrato, a empresa ou fornecedor terá 60 dias para realizar um estudo técnico que irá definir o melhor local para instalação do radar. O sistema terá que fornecer previsão em tempo real para Porto Alegre e Região Metropolitana. A prestação dos serviços de monitoramento, acompanhamento e emissão de alertas ocorre na sequência e se estenderá por 60 meses (5 anos).

Atualmente, o Rio Grande do Sul conta com o serviço de monitoramento meteorológico realizado por três radares das Forças Armadas. Dois estão localizados dentro do próprio Estado: um em Canguçu, na região Sul e o outro Santiago, na região Central. O terceiro está no Morro da Igreja, em Santa Catarina. Por esse motivo, Porto Alegre e a Região Metropolitana acabam não recebendo cobertura adequada, segundo o Governo do RS.

Quer receber notícias no WhatsApp?
Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Compartilhe:
error: