ENSINO SUPERIOR

Governo Federal abre renegociação para inadimplentes do FIES

No Rio Grande do Sul, são mais de 38 mil endividados

Compartilhe:

Estudantes ou formados que tenham dívidas com o FIES (Fundo de Financiamento Estudantil) podem renegociar seus débitos em condições especiais a partir desta terça-feira (7). Acordos ocorrem através da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil.

A medida foi aprovada a partir da sanção da Lei nº 4172/2023, na semana passada, pelo presidente Lula. “O importante não é a dívida, o importante é que você volte a estudar pagando o mínimo que for necessário. Volte a estudar, tire o diploma e nós ficamos muito agradecidos”, declarou o presidente no dia em que a lei foi sancionada.

Em todo o Brasil, são mais de 1,2 milhão de inadimplentes. No Rio Grande do Sul, 38.107. Os descontos podem ir até 99% do valor consolidado da dívida, cujas renegociações chegam a R$ 54 bilhões.

Para realizar o acordo, basta o inadimplente procurar a agência do banco responsável pelo financiamento. Mesmo pessoas que estão em dia com o pagamento serão beneficiadas. Isso porque qualquer pessoa com contrato no FIES tem direito a vantagens.

“O que queremos deixar seguro é que está garantido o direito de tirar o nome sujo dessas pessoas e resolver o problema,” disse o ministro da Educação, Camilo Santana.

Quer receber notícias no WhatsApp?
Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Compartilhe:
error: