NORTE DO RS

Policia Civil prende seis por golpe do bilhete premiado, na ERS-324

A investigação já identificou duas ocorrências do grupo por estelionato

Compartilhe:
Foto: Polícia Civil/Divulgação

Seis pessoas naturais de Passo Fundo, no Norte do RS, foram presas pela Polícia Civil, na tarde desta quinta-feira (6), por cometerem o “golpe do bilhete premiado”. A detenção ocorreu na ERS-324, em Vila Maria, também na região Norte.

Segundo o delegado regional de Passo Fundo, Adroaldo Schenkel, os detidos se deslocavam em três carros alugados, voltando da Serra. Antes da abordagem em Vila Maria, os autores foram seguidos pelas autoridades desde o município de Guaporé.

Além das detenções, os policiais apreenderam os carros, R$ 20 mil em dinheiro, objetos utilizados no delito, celulares e outros materiais.

O golpe

Segundo o delegado Schenkel, neste tipo de crime, um golpista, simulando ter uma condição humilde, aborda uma vítima, geralmente um idoso, dizendo que possui um bilhete supostamente premiado e que precisa de ajuda para fazer resgate do prêmio. Em seguida, aproxima-se um comparsa fazendo-se passar por médico, ou advogado, se oferendo para auxiliar no processo. Os criminosos chegam a simular ligações para a Caixa Federal com objetivo de confirmar a validade do bilhete.

Porém, em um dado momento, os criminosos convencem as vítimas a repassar dinheiro ou objetos de valor, como joias, a eles em troca do bilhete. Só depois a vítima se dá conta que sofreu um golpe.

Neste caso, a Polícia Civil já identificou duas ocorrências de estelionato. Uma em Dois Irmãos, na Região Metropolitana, e outra em Nova Petrópolis, na Serra.

Os detidos foram apresentados na Delegacia de Marau, onde foram autuados em flagrante por estelionato e associação criminosa. Em seguida, eles foram conduzidos ao presídio de Passo Fundo.

Dois dos presos têm extensa ficha Policial relacionada a estelionatos. Outras ações do grupo na Região da Serra estão sendo investigadas. A operação foi uma ação conjunta da Polícia Civil de Passo Fundo, com ajuda das delegacias de Serafina Correa, Marau e Guaporé.

Quer receber notícias no WhatsApp?
Ao entrar você esta ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Compartilhe:
error: