REGIÃO NORTE

Novas instalações do aeroporto de Passo Fundo entram em operação

o aeroporto de Passo Fundo passou por ampliação e modernização de todo o sítio aeroportuário.

Compartilhe:
Imagem do aeroporto de Passo Fundo. Foto: Divulgação

As novas instalações do Aeroporto Lauro Kurtz, de Passo Fundo, na Região Norte do Rio Grande do Sul, entram em operação na próxima sexta-feira (20).

De acordo com o Palácio Piratini, a chegada do primeiro voo, da empresa Azul, está prevista para 9h25min. A data de início das atividades foi definida pelo DAP (Departamento Aeroportuário) da Selt (Secretaria de Logística e Transportes), juntamente com a Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária), gestora do aeroporto contratada pelo governo do Estado, companhias aéreas e a Prefeitura de Passo Fundo.

“A intenção do Estado era realizar a migração para as novas instalações ainda em dezembro, mas, após ajustes das companhias aéreas, foi definido que ocorreria na segunda quinzena de janeiro de 2023”, disse o governo do Rio Grande do Sul.

Ampliação e modernização

Nos últimos dois anos, o aeroporto passou por ampliação e modernização de todo o sítio aeroportuário, a partir do Termo de Compromisso (TC) 5/2017, firmado entre a SAC (Secretaria de Aviação Civil), vinculada ao Ministério da Infraestrutura do governo federal, e a Selt.

Com ordem de início emitida no final de outubro de 2020, a pista de pouso e decolagem foi totalmente recuperada, aumentando a capacidade estrutural.

Também houve a instalação de equipamentos de auxílio à navegação, balizamento a led e constituição de um pátio para aeronaves, com cinco posições 3C (quatro posições B737.800/Embraer 195-E2 e uma posição ATR-72) e aproximadamente 16 mil metros quadrados, de um terminal com mais de 2 mil metros quadrados, além de uma subestação e uma central de utilidades.

“Complementam as novidades a execução de vias de serviço (Seção de Combate a Incêndios e abastecimentos), áreas de estacionamento e melhorias no acesso ao terminal. No termo de compromisso firmado com a SAC, está prevista a reforma do terminal antigo para abrigar a Seção de Combate a Incêndio (Sescinc). O processo se encontra em fase final de contratação do projeto”, ressaltou o governo do Estado.


Compartilhe: