Notícia

Prazo para pagamento do IPVA com desconto de até 32% termina nesta quinta-feira

Compartilhe:

Termina nesta quinta-feira (29) o prazo para o pagamento do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) com os maiores descontos para o contribuinte. A redução no valor a ser quitado pode sofrer redução de até 32%.

O tributo pode ser pago em qualquer agência, pontos de atendimento ou via home banking (internet) dos bancos Banrisul, Bradesco, Sicredi, Sicoob e Banco do Brasil (somente para clientes). É possível também fazer o pagamento por PIX. Para quitar o IPVA, o proprietário deverá indicar o CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo) ou a placa e o Renavam do veículo.

Quem conseguir quitar o tributo até esta quinta tem 10% de abatimento. Também não incorrerá na variação da UPF/RS (que pelos índices inflacionários também deve ficar em 5,76%), o que vai gerar redução potencial de 15,76%.

Além disso, há outros benefícios que podem ser aplicados. Quem obteve o desconto de Bom Motorista (para quem não tem multas), que pode ter mais 15% de redução. Já o desconto do Bom Cidadão (para quem pede CPF nas notas fiscais), permite até 5% de redução no valor.

A taxa de licenciamento e multas (se houver) podem ser pagas separadamente do IPVA. Mas o proprietário deve estar atento às datas de vencimento de cada uma das obrigações.

As consultas podem ser feitas no site do IPVA RS ou no aplicativo “IPVA RS”.

“A Secretaria da Fazenda novamente aplicou os maiores descontos para pagamento antecipado e manteve o prazo de parcelamento alongado, que passou no IPVA 2022 de três para seis meses (janeiro a junho)”, ressaltou o governo do Rio Grande do Sul.

Pagamento do IPVA em 2023

Outra possibilidade de pagamento do IPVA 2023 é a quitação com desconto em janeiro ou fevereiro ou março. O proprietário do veículo que pagar todo o IPVA até 31 de janeiro terá 10% de desconto.

Se quitar o tributo até o dia 28 de fevereiro, a redução é de 6%. Pagando até 31 de março, o desconto é de 3%.

Arte; Rosana Klafke/Agora RS


Compartilhe: