REGIÃO SUL

Policial Rodoviário Federal morre após atropelamento em São Lourenço do Sul

A Polícia Rodoviária Federal divulgou uma nota de pesar pelo falecimento do policial.

Compartilhe:

O policial rodoviário federal João Manoel da Silva Pinho morreu após ser atropelado no km 474 da BR-116, em São Lourenço do Sul, na Região Sul do Estado, na tarde desta sexta-feira (23).

Os agentes estavam realizando fiscalização de trânsito quando Pinho visualizou o motorista de um Golf realizando ultrapassagem em local proibido e colocando motoristas, que dirigiam em sentido contrário, para o acostamento.

“Ele se posicionou para realizar a abordagem do veículo, mas o motorista não conseguiu parar e o atropelou”, disse a Polícia Rodoviária Federal em nota.

Segundo o PRF, o condutor, que é natural de Cristal, tem 32 anos de idade e já possuía ocorrência por homicídio doloso. Ele estava usando tornozeleira eletrônica e alegou que estava em alta velocidade pois estava atrasado para se apresentar no instituto penal. O homem foi preso e encaminhado à Polícia Federal.

Pinho foi atendido no local, mas acabou falecendo no hospital. Ele tinha 37 anos de idade e estava na Polícia Rodoviária Federal a quase dez anos. Pinho deixa esposa e uma filha de sete anos.

A Polícia Rodoviária Federal divulgou uma nota de pesar pelo falecimento do policial. Confira, abaixo, um trecho:

“Manifestamos solidariedade e destinamos nosso sincero desejo de que Deus dê conforto aos familiares, amigos e colegas neste momento de luto”.


Compartilhe: