PODCAST

Ouça no Meio-Dia: os presos por “racha” na BR-448 e mais notícias da manhã

Confira as notícias da manhã desta sexta-feira, 9 de dezembro de 2022, no podcast Meio-Dia

Compartilhe:

Ouça o podcast Meio-Dia também em outras plataformas:

Dois homens foram presos em flagrante pela Polícia Rodoviária Federal durante a realização de um “racha” na BR-448, em Canoas, na Região Metropolitana. Os agentes da PRF chegaram até os indivíduos após uma denúncia no 191. As informações davam conta de que 8 a 10 carros participavam da prática ilegal. Quando os policiais chegaram próximo da Freeway, os veículos tentaram se dispersar e fugir das viaturas da PRF. Parte seguiu no sentido Porto Alegre e, os outros, para o sentido litoral. Dois carros foram interceptados pelos policiais. Foram apreendidos um Audi, com placas do Rio de Janeiro, que estava com uma das placas encobertas para fugir da fiscalização, e um Civic, com placas de Canoas. No Audi estavam o condutor, de 23 anos, e uma passageira, de 20 anos, ambos de Porto Alegre. Já no Civic estava o motorista, de 19 anos, e mais quatro ocupantes, com idades entre 19 e 23 anos, de Canoas e Porto Alegre. Os veículos foram autuados pelas irregularidades constatadas e pelas infrações cometidas pelos seus condutores, que foram presos pela prática de racha em via pública. Eles foram encaminhados à Polícia Civil para o registro de ocorrência.

O Dmae começa nesta sexta-feira a divulgação semanal do relatório de balneabilidade das praias da Orla do Guaíba, em Porto Alegre. Elas ficam localizadas nos bairros Belém Novo e Lami, no Extremo Sul da Capital. Em Belém Novo, todos os pontos com coletas realizadas estão próprios para banho. Já no Lami, segundo as amostras, todos os pontos estão impróprios. Foram realizadas cinco amostras em cada um dos locais entre os dias 1º de novembro e 30 de novembro. As análises são realizadas todas as semanas pelo Departamento. O Dmae destaca que com o grande movimento nas praias da Capital durante o verão, as análises são extremamente importantes para garantir que a população e quem for visitar Belém Novo ou o Lami possa tomar banho com tranquilidade e segurança.

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, o IPCA, considerado a inflação oficial do país, teve alta de 0,41% em novembro. O indicador foi divulgado nesta sexta-feira pelo IBGE. Com o resultado, a inflação acumulada nos últimos 12 meses foi de 5,9%. O índice está abaixo dos 6,47% observados nos 12 meses imediatamente anteriores e é a menor taxa desde fevereiro de 2021. No ano, o IPCA chega a 5,13%. A alta é menor que a de outubro, quando o indicador teve alta de 0,59%. A elevação também está abaixo da registrada no mesmo período do ano passado, quando o IPCA cresceu 0,95%. Os grupos Transportes e Alimentação e bebidas foram os que impactaram de forma mais expressiva o índice do mês. A alta do grupo Transportes foi provocada, principalmente, pelo aumento dos combustíveis, que subiram 3,29%.

O Ministério da Educação anunciou na quinta-feira que fará o pagamento de 200 mil bolsistas da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, a CAPES. A previsão é que o depósito seja realizado até a próxima terça-feira, dia 13. Na última terça-feira, a CAPES divulgou uma nota para informar que não teria como pagar os bolsistas de mestrado, doutorado e pós-doutorado, além das bolsas destinadas à formação de professores para Educação Básica, devido ao bloqueio de recursos promovido pelo governo Bolsonaro. Agora, o valor destinado foi de R$ 210 milhões. O desbloqueio ocorre após o Ministro do STF, Dias Toffoli, relator da ação contra o bloqueio de verbas, dar um prazo de 72 horas para o governo federal explicar a falta de pagamentos aos estudantes. O valor destinado à CAPES faz parte dos R$ 460 milhões liberados para o Ministério da Educação, conforme informou o ministro da Educação, Victor Godoy, ainda nesta quinta-feira. O valor será destinado a compensar os diversos bloqueios sofridos pela pasta da educação nos últimos meses.

A onda de calor permanece sobre o Rio Grande do Sul nesta sexta-feira. Durante a tarde o calor fica bastante intenso em várias cidades gaúchas, com máximas acima dos 40°C em diversos pontos. Em Porto Alegre e Esteio, o tempo fica firme e muito quente nesta sexta. Máxima de 38°C. Mas em algumas regiões o tempo fica instável. Ao longo do dia, áreas de instabilidade provocam o aumento de nebulosidade no Estado. Há previsão de pancadas fortes e isoladas de chuva na Campanha, na Fronteira Oeste, na Região Central e na Região Noroeste. No sábado, as instabilidades avançam e atingem praticamente todas as regiões. Mesmo assim, as temperaturas continuam elevadas à tarde, com sensação de abafamento. A tendência é que as chuvas e as instabilidades sigam atuando na metade norte no domingo.


Compartilhe: