ECONOMIA

Nota Fiscal Gaúcha atinge marca de 2,8 milhões de consumidores cadastrados

Ao longo da última década, o Nota Fiscal Gaúcha já distribuiu mais de R$ 77 milhões em prêmios por meio do Sorteio Mensal.

Compartilhe:

O governo do Rio Grande do Sul comunicou que o programa NFG (Nota Fiscal Gaúcha) atingiu a marca de 2,8 milhões de consumidores cadastrados, o que representa 25,4% da população gaúcha.

Coordenada pela Sefaz (Secretaria Estadual da Fazenda), a iniciativa de cidadania fiscal, que incentiva os consumidores a incluir o CPF nas notas fiscais, completou dez anos em junho e já credenciou mais de 330 mil estabelecimentos, além do processamento de 4,3 bilhões de cupons fiscais.

Ao longo da última década, o NFG já distribuiu mais de R$ 77 milhões em prêmios por meio do Sorteio Mensal – realizado sempre na última quinta-feira do mês e no qual concorrem todos os inscritos que tenham emitido nota com CPF no mês de referência – e pelo Receita da Sorte, que distribui prêmios com a leitura de QR Codes das notas fiscais lançadas no dia”, disse o governo do Estado.

Pelo Receita Certa o programa já devolveu mais de R$ 85 milhões do ICMS incremental do setor varejista. De acordo com a Receita Estadual, todos os 497 municípios do Rio Grande do Sul possuem participantes no NFG. Clique aqui para fazer o seu cadastro no NFG.

Os municípios que despontam com a maior adesão populacional ao programa atualmente são:

• Nova Boa Vista – 93,37%
• Palmitinho – 87,62%
• São José do Inhacorá – 76,86%

Entre as vinte cidades mais populosas do Estado, os números são os seguintes:

• Porto Alegre – 35,86%
• Canoas – 29,47%
• Caxias do Sul – 28,37%
• Pelotas – 27,98
• Santa Maria – 33,63%

 


Compartilhe: