TECNOLOGIA

O número de crime cibernéticos em empresas aumentou

Compartilhe:

Dados alarmantes chamaram a atenção de empresários em todo o mundo: o número de crimes cibernéticos tem aumentado. Aparentemente, à medida que as empresas vão adotando as novas tecnologias, o número de crimes envolvendo o mundo virtual também aumenta.

Infelizmente, sempre que uma empresa decide usar um novo software, um novo sistema ou algo do tipo, um número de possibilidades para hackers e criminosos surge. É claro, nem sempre eles conseguem cometer os crimes que querem.

O fato de adotar uma nova tecnologia na sua empresa não quer dizer que você será vítima de crimes virtuais, mas, por se tratar de tecnologia recente, é possível que falhas que ainda não foram exploradas existam.

Existem algumas coisas que você pode fazer para se proteger, vamos discutir isso neste artigo.

Os tipos de crimes cibernéticos mais comuns

O que você precisa saber é que a maioria dos softwares de hoje em dia atingiram um nível altíssimo de sofisticação. Dificilmente alguém vai encontrar falhas em softwares de grandes empresas como Apple ou Microsoft.

Por causa disso, os criminosos se aproveitam de um tipo diferente de vulnerabilidade. Estamos falando do fator humano.

É mais fácil enganar um funcionário e convencê-lo a entregar as credenciais para o sistema de uma empresa do que invadir o sistema mediano tipicamente usado nesse caso. Portanto, o fator humano deve ser sua principal preocupação.

Como se proteger e proteger sua empresa contra crimes cibernéticos

Temos algumas dicas para você que definitivamente podem fazer a diferença na segurança da sua empresa.

Treine o seu pessoal

Como já mencionamos, o fator humano deve ser uma das suas prioridades. Mostre para os seus funcionários quais são os perigos dos crimes cibernéticos.

No melhor cenário possível, você vai contratar um funcionário de tecnologia da informação com formação especial em segurança. Esse funcionário vai dar pequenas apresentações regularmente sobre como se proteger no mundo virtual.

Não vamos negar que isso pode ser caro e inviável para algumas empresas. Se este é o seu caso, você pode optar por algo mais simples, algo como encaminhar alguns vídeos sobre segurança da informação para os seus funcionários.

Há muita coisa gratuita que você encontra na internet. O YouTube é um bom exemplo disso.

Utilize um VPN para manter a privacidade da sua navegação

Um VPN é um software que cria uma rede privada dentro de uma rede pública. Por exemplo, uma rede privada dentro da internet. É interessante baixar um VPN grátis para navegar de forma segura na internet.

Ele é perfeito para dar um nível maior de privacidade nas transferências de dados da sua empresa. Sem falar que há outros benefícios que deixamos para você descobrir.

Instale um bom antivírus

Isso pode parecer óbvio, mas algumas pessoas vão com o primeiro software antivírus gratuito que encontram na internet. Há um caminho melhor para isso. Você pode pesquisar na internet por listas com os melhores antivírus do ano.

Compare as listas e veja quais são os softwares que aparecem mais vezes e então escolha um deles.

Considere utilizar software livre

Sabe o que é melhor do que utilizar um bom antivírus? Instalar um software livre na sua empresa. Software livre ou software de código aberto são sistemas criados de forma comunitária. O software está disponível para todos verem.

Dessa forma, programadores do mundo todo podem contribuir para sua melhoria. Como resultado dessa característica, os softwares livres são muito mais seguros. Sempre que algum programador encontra um bug ou falha de segurança, ele conta para a comunidade de desenvolvedores que então faz as correções.

Dessa forma, os softwares livres, como o Ubuntu, são muito mais seguros.

Contrate um profissional de segurança da informação

Isso é inviável para pequenas empresas. Os custos de um profissional como este não vão fazer sentido para muitos empreendedores. Mas se você tem uma empresa grande e está preocupado com a segurança dos seus dados, contratar um profissional da área pode fazer muita diferença.

Considerações finais

Bom, essas são as nossas dicas sobre como se proteger contra crimes cibernéticos. A verdade é que você terá que se manter atualizado.

Não pare de consumir material educativo, artigos como este podem fazer muita diferença na segurança da sua empresa no longo prazo.

 


Compartilhe: