MP-RS denuncia quatro pessoas por roubo e extorsão contra uma professora, em Vacaria

Todos os denunciados estão presos preventivamente pelos crimes. O crime ocorreu no último dia 14 de setembro.

Compartilhe:

Três mulheres e um homem foram denunciados pelo MP (Ministério Público) por extorsão e roubo contra uma professora em Vacaria, nos Campos de Cima da Serra. Conforme o promotor de Justiça Rodolfo Grezzana, três dos acusados cometeram os crimes sob as ordens da quarta denunciada. Todos estão presos preventivamente.

O crime ocorreu no último dia 14 de setembro. A denúncia foi feita nesta quinta-feira (6).

Segundo o MP, o crime tratou-se de um sequestro relâmpago. Os autores abordaram a vítima no Centro de Vacaria por volta das 13h, quando ela saía da escola onde trabalha, e a fizeram entrar no carro em que estavam ameaçando-a com um canivete.

Em seguida, passaram a rodar com a professora pela cidade. Os denunciados, então, obrigaram que a professora fizesse um PIX de R$1,5 mil para a mandante do sequestro relâmpago. Além de agredirem a vítima no rosto, subtraíram seu celular e outros pertences.

Durante o sequestro, os criminosos fizeram uma chamada de vídeo com a quarta denunciada, que ameaçou a vítima, dizendo que se contasse alguma coisa, amanheceria com a boca cheia de formigas. Por fim, a professora foi deixada em um matagal e posteriormente socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e levada ao Hospital Nossa Senhora da Oliveira.

“O crime foi cometido por quatro pessoas, por meio de coação e uso de um canivete, mediante a restrição da liberdade da vítima, condição imprescindível imposta pelos denunciados para a obtenção da vantagem econômica indevida almejada por eles, na medida em que havia a necessidade de utilização do aplicativo bancário e senha pessoal da vítima para realização da transferência”, pontuou o promotor.


Compartilhe: