Notícia

Medidas para reduzir atropelamentos de animais começam a ser instaladas na ERS-040

A ERS-040 ganha primeiras travessias aéreas para evitar atropelamento de animais.

Compartilhe:

Quem passa pela ERS-040, em Viamão, vai perceber a presença de passarelas de cordas atravessando a rodovia.

A EGR (Empresa Gaúcha de Rodovias) começou a implantação dos passadores aéreos para facilitar a travessia segura de animais adaptados a viver em árvores e que utilizam preferencialmente as copas ao longo de suas vidas.

Conforme a EGR, o objetivo da iniciativa é aumentar a segurança da rodovia para os usuários, além de reduzir o impacto ambiental ocasionado pelo atropelamento de fauna, especialmente do bugio-ruivo.

O animal, bastante encontrado no entorno da rodovia, está ameaçado de extinção e, dessa forma, é protegido por lei. No entanto, outras espécies que passam a maior parte do tempo ou todo ele em árvores, como ouriços, gambás, roedores e marsupiais de pequeno porte também podem ser beneficiados.

Até agora, nove passarelas já foram instaladas na rodovia. Ao todo, 21 pontes de corda serão instaladas em seis zonas críticas da ERS-040.

São áreas específicas para animais que se deslocam pelas copas das árvores, diminuindo o deslocamento necessário para que encontrem uma oportunidade segura de cruzamento entre os dois lados da rodovia.

Os pontos de implantação foram definidos a partir de estudos realizados por especialistas em fauna, que consideraram os registros de mortes de animais, o número de carcaças localizadas ao longo da rodovia pelas equipes de conservação e manutenção, o mapeamento da vegetação florestal e, por fim, a identificação da provável ocorrência do bugio-ruivo nos ambientes marginais da estrada.

Usuários e moradores participaram do levantamento, respondendo às entrevistas realizadas nas áreas favoráveis à presença desses animais.

Além disso, segundo a EGR, os locais foram previamente vistoriados em conjunto com a equipe responsável pela instalação das pontes.

Foto: Edivan Rosa/ Divulgação

 


Compartilhe: