Passa de 180 número de casos de varíola no Rio Grande do Sul

Outros 235 casos suspeitos da monkeypox ainda estão sob investigação.

Compartilhe:

O número de casos de varíola dos macacos registrados no Rio Grande do Sul chegou a 182. A informação foi divulgada pelo CEVS (Centro Estadual de Vigilância em Saúde) nesta sexta-feira (23).

Outros 235 casos suspeitos da monkeypox ainda estão sob investigação. O número é menor do que o identificado na última divulgação do Centro, na quinta-feira, quando 259 casos estavam em investigação. Isso significa que, apesar de novas confirmações, não houve avanço significativo de novas suspeitas.

Os casos estão distribuídos em 36 municípios gaúchos. Porto Alegre é a cidade com maior número de casos, com 98 registros da doença, mesmo número divulgado anteriormente.

A Secretaria Estadual da Saúde confirmou a transmissão comunitária da doença no dia 18 de agosto. Em Porto Alegre, a transmissão comunitária foi estabelecida no dia 12 de agosto. Essa situação se configura quando não é possível identificar a origem da infecção.


Compartilhe: