Número de faltas em consultas médicas chama atenção em Imbé

A Prefeitura de Imbé disse que ofertou no mês de agosto 510 consultas médicas para ginecologista, neurologista, pediatra e fonoaudióloga.

Compartilhe:
Foto: Divulgação/Prefeitura de Imbé

 

O número de faltas em consultas médicas chama atenção em Imbé, no Litoral Norte do Rio Grande do Sul.

Segundo a Prefeitura de Imbé, o Centro de Especialidades Médicas, que funciona junto ao Pronto Atendimento da Zona Norte, no balneário de Santa Terezinha, ofertou no mês de agosto 510 consultas médicas para ginecologista, neurologista, pediatra e fonoaudióloga.

“Infelizmente, mais uma vez foi identificado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) um grande número de pacientes que faltaram às consultas e não comunicaram o Centro, aumentando o tempo de espera de pessoas que poderiam ter suas consultas antecipadas. Foram 153 faltantes, o que representa 30% do total de consultas marcadas”, disse a prefeitura.

O maior número de faltas registradas foi para o atendimento com fonoaudióloga, que ofertou 118 consultas e registrou 61 faltas, com 52% de ausências. O menor número de faltas foi para o atendimento com o pediatra, ficando com 23%.

Em caso de impossibilidade no comparecimento às consultas, a SMS pede que os pacientes informem com a maior brevidade possível para que outras pessoas possam ser chamadas. É possível entrar em contato com o setor de Marcação de Consultas com pelo menos 24 horas de antecedência ao horário agendado.

A comunicação pode ser feita através de ligação para o telefone (51) 3627-8505. Este número também recebe mensagens de texto pelo aplicativo WhatsApp.


Compartilhe: