Bate-papo discute o que a população precisa saber sobre varíola dos macacos

A atividade “Varíola dos macacos: o que precisamos saber?” é gratuita e aberta ao público.

Compartilhe:

A Unimed Porto Alegre promove, no dia 21 de setembro, uma atividade virtual para esclarecimento da população sobre a varíola dos macacos. O encontro será ministrado pela infectologista Tainá Fagundes Behle.

A doença, causada por um vírus, que tem causado muitas dúvidas nas pessoas. O bate-papo abordará o vírus, a situação atual, os sinais, sintomas, tratamento e a importância da prevenção e acompanhamento de saúde.

O encontro será realizado via plataforma virtual a partir das 17h da tarde de 21 de setembro, quarta-feira. A atividade “Varíola dos macacos: o que precisamos saber?” é gratuita e aberta ao público.

Os interessados podem se inscrever pelo link do programa Viver Bem Unimed, que contém ainda informações e a programação completa de atividades do Programa Viver Bem.

Entenda a doença

O que é? 

A varíola dos macacos é uma doença causada pelo vírus Monkeypox.

Sintomas principais: 

Erupção cutânea (lesões, bolhas, crostas) em diferentes formas. Podem afetar todo o corpo, incluindo rosto, palmas e plantas e órgãos genitais.

Outros sintomas frequentes: 

Febre, dor de cabeça, inchaço dos gânglios linfáticos, dor nas costas, dores musculares e falta de energia. Todas as pessoas que forem expostas ao vírus podem se infectar e desenvolver a doença, independentemente de idade, sexo ou outras características.


Compartilhe: