“Sensação de que as coisas saíram do trilho”, diz Roger Machado após Grêmio perder para o Cricíuma

Com mais uma péssima atuação, Grêmio voltou a perder na Série B no Campeonato Brasileiro.

Compartilhe:
Foto: Celso da Luz / Assessoria de Imprensa Criciúma E.C

 

Com mais uma péssima atuação, Grêmio voltou a perder na Série B no Campeonato Brasileiro. Na noite desta terça-feira (30), no estádio Heriberto Hülse, o time gremista perdeu para o Cricíuma por 2 a 0 pela 27ª rodada da competição.

O jogo começou bastante movimentado. No primeiro minuto, o Grêmio chegou no ataque, mas o lance não levou perigo. Guilherme foi lançado no lado esquerdo e cruzou para a área. Villasanti apareceu como surpresa, mas não chegou a tempo de finalizar e trombou com o goleiro Gustavo.

Aos 11 minutos de partida, o Cricíuma abriu o placar. Em um contra-ataque, Fellipe Mateus foi lançado no lado direito de defesa do Grêmio. O atacante venceu a marcação de Bruno Alves e encontrou Caio Dantas completamente livre na entrada da área. Ele ganhou de Geromel e finalizou. A bola desviou no zagueiro gremista e saiu do alcance do goleiro Brenno, 1 a 0.

Com o gol, o Grêmio virou um time nervoso dentro de campo, comentendo vários erros técnicos. Assim o Cricíuma não teve dificuldades para administrar a vantagem até o fim do primeiro tempo.

No segundo tempo, empurrado pela torcida, o Criciúma pressionando o Grêmio. Para fechar a noite de filme de terror para os torcedores gremistas, Edílson cometeu pênalti ao inteceptar um chute de fora da área com o braço, aos 38 minutos do segundo tempo. Com o auxílio do VAR, o árbitro marcou pênalti. Rafael Bilu cobrou e marcou 2 a 0.

Com o resultado, o tricolor gaúcho estacionou na tabela com 44 pontos. O próximo compromisso do Grêmio será diante do Vila Nova, na Arena, na sexta-feira (2), às 21h30.

Coletiva

Após o jogo, o zagueiro Bruno Alves comentou sobre o momento do Grêmio na Série B.

“O momento é de oscilação em um momento importante do campeonato. Não podemos oscilar tanto. Se a gente almeja o acesso, temos que mudar a nossa atitude e mostrar dentro de campo. Procurar ter mais personalidade para buscar as vitórias”, ressaltou.

O técnico Roger Machado também comentou sobre o momento da equipe gremista. “O momento é de instabilidade e a sensação é de que as coisas saíram do trilho, diferente do que tava há quatro jogos”, disse.

“A busca por estabilidade vai continuar, através das observações do jogo”, completou o treinador do Grêmio.

Na coletiva, Roger foi questionado sobre a postura do time do Grêmio diante do Cricíuma. “É um jogo que envergonha a todos, obviamente. Ninguém tá satisfeito com o momento, mas é o momento de nos unirmos e dar uma resposta o mais rápido possível, que é na sexta-feira”, disse.

“Não posso dizer que nossos atletas não competiram, mas só competir não é suficiente. Competimos, mas fomos envolvidos por boa parte do jogo”, ressaltou Roger.

“Nós temos que ter a competência e a inteligência de administrar esses momentos de crise que estamos passando. O momento é delicado, mas, felizmente, só depende de nós. Enquanto depender só de nós, tá tudo muito bom”, comentou Denis Abrahão, vice de futebol do Grêmio, durante a coletiva.

O dirigente disse que já conversou com o elenco gremista. “Nosso momento é totalmente atípico. Nosso momento é de turbulência, mas nós vamos sair dessa zona de turbulência. Tivemos conversas muito boas e vai surtir efeito a partir de amanhã”, garantiu.


Compartilhe: