Nas penalidades, Inter é eliminado da Sul-Americana pelo Melgar em um Beira-Rio lotado

O resultado causou indignação da torcida colorada

Compartilhe:

O Inter perdeu nos pênaltis para o Melgar, na noite desta quinta-feira (11), e está fora da Sul-Americana. O resultado contrariou o clima de otimismo da torcida colorada, que, desde a tarde, se aglomerava no entorno do Beira-Rio e depois fez a sua parte, acompanhando com aflição um jogo que desde o primeiro tempo ganhava contornos de tragédia.

No início, parecia que ia dar tudo certo. Braian Romero teve três chances. As coisas corriam ao natural. Mas, conforme o gol não saía, o clima ia ficando tenso. Mesmo assim, no fundo, é provável que a maioria dos colorados no Gigante acreditava que o gol da glória sairia a qualquer momento.

Mas no segundo tempo a pressão não se manteve. Ao contrário, o Melgar mostrou a que veio. Chegou a ter chances. E, para piorar, veio a expulsão equivocada de Gabriel. O Inter desmoronou. E essa baixa na moral chegou nas penalidades.

Edenilson, um dos principais alvos de críticas após a partida, Taison e De Pena erraram suas cobranças. O Melgar acertou a cobrança, tirou o Inter da Sul-Americana e trouxe trevas de volta ao Beira-Rio.

Primeiro tempo

O Inter perdeu um gol antes dos trinta segundos. Braian Romero recebeu livre, mas perdeu a bola ao tentar driblar o goleiro.

Aos 8, de novo Romero. Dessa vez ele chegou atrasado após chute cruzado de Wanderson.

Todas as jogadas de perigo do Inter terminavam em Romero. Aos 20, Wanderson cruzou da esquerda e o novo atacante Colorado cabeceou. Cáceda fez boa defesa.

O Inter pressionava. O jogo ia ficando tenso na medida que o gol não saía. Com o tempo, a retranca do Melgar forçava o Inter a jogar de forma mais estudada.

O primeiro tempo acabou. O Beira-Rio, que alternou momentos de cantoria com outros de silêncio aflitivo, manteve-se apoiando.

Segundo tempo

O cenário se manteve no segundo tempo, como era de se esperar. A primeira chance veio aos 7, com Bustos. Ele recebeu na entrada da área e chutou, mas parou no goleiro.

Mas o Melgar passou a tentar atrasar o jogo. Era pouco o tempo de bola rolando. Quando o jogo andava, o Inter mostrava nervosismo. E mais, o Melgar passou a controlar a partida.

Mano chamou Taison. Saiu Alan Patrick. O camisa 10 já não conseguia render.

Para dar mais contornos trágicos para a partida, perto dos 30, Gabriel chegou atrasado em uma disputa de bola e acabou pisando no adversário. Vermelho, contestável, para o volante colorado.

Mesmo assim, Mano manteve o time ofensivo. Colocou Pedro Henrique e Mikael nos lugares de Wanderson e Romero.

Pedro Henrique errou um cruzamento rasteiro perto da área. O Melgar respondeu com um chute de média distância que obrigou Daniel a se esticar para evitar o gol.

Pênaltis

Não houve tempo para definir no tempo normal. O jogo foi para as penalidades.

Taison, Edenilson e De Pena erraram pelo Inter. Daniel defendeu apenas um. O Melgar converteu três pênaltis e levou a classificação.

Coletiva

Na sua fala, Mano começou falando sobre o jogo. “Acho que fizemos um jogo com qualidade para vencer. Não vencemos porque as vezes você domina mas não consegue vencer”.

Depois, falou sobre sua visão a respeito do sentimento da torcida. “O tamanho da frustração do torcedor é a mesma nossa”, afirmou. Depois, de forma assertiva, disse que “quando falta alguma coisa é porque ainda não estamos preparados para sermos campeões”, concluiu.

Situação e próximo jogo

Agora só resta o Brasileirão para o Inter. O Colorado, que é 6º colocado, enfrenta o Fluminense, no domingo (14), no Beira-Rio.

Escalações

Inter

Daniel; Bustos, Vitão, Mercado e Renê; Gabriel* e De Pena; Edenilson, Alan Patrick (Taison) e Wanderson (Pedro Henrique); Braian Romero (Mikael) – 4-2-3-1Técnico: Mano Menezes

*Expulso

Melgar-PER

Cáceda; Ramos, Deneumostier, Galeano e Reyna; Orzán e Tandazo (Cabrera); Alexis Arias (Archimbaud), Pérez Guedes e Bordacahar (Iberico); Bernardo Cuesta –4-2-3-1Técnico: Pablo Lavallén

Arbitragem

Árbitro: Roberto Tobar (CHI)
Auxiliar: Christian Schiemann (CHI)
Auxiliar: Claudio Rios (CHI)
VAR: Juan Lara (CHI)

 


Compartilhe: