“Com certeza a frustração do torcedor é a mesma que a nossa”, ressalta Mano Menezes após Inter ser eliminado pelo Melgar

O Inter perdeu nos pênaltis para o Melgar, na noite desta quinta-feira (11), e está fora da Sul-Americana.

Compartilhe:

O Inter voltou a amarelar no Beira-Rio. O time colorado perdeu nos pênaltis para o Melgar, na noite desta quinta-feira (11), e está fora da Sul-Americana.

O resultado contrariou o clima de otimismo da torcida colorada, que, desde a tarde, se aglomerava no entorno do Beira-Rio.

Após o jogo, Mano Menezes comentou a eliminação do Inter para o time peruano. “Jogamos 180 minutos para fazer um gol e não conseguimos apesar de todo o domínio. A nossa decepção esta na mesma proporção da do torcedor”, ressaltou.

“O Melgar se portou muito melhor do que o Colo-Colo. O Colo-Colo nos deu 70 metros pra atacar nas costas da defesa praticamente. O Melgar se portou muito bem para conseguir a classificação”, completou o treinador do Inter.

Wanderson também conversou com os jornalistas. Segundo ele, o elenco colorado vai ter de virar a página e focar no Campeonato Brasileiro.

“A gente tem muitos jogadores experientes. Nosso elenco tem muita qualidade. Agora vamos poder focar 100% no Brasileirão e vamos tentar reverter essa situação”, disse.

Já Edenilson disse comentou sobre mais uma eliminação na sua trajetória como jogador do Inter.

“Eu sou o que está a mais tempo aqui. Me cobro bastante e sinto na pele essas eliminações. Não sinto que minha passagem está sendo abreviada, conquistei a condição de batedor de pênaltis trabalhando. Eu assumo a responsabilidade”, ressaltou.

“Eu cheguei aqui com a missão de recolocar o Inter na Série A, em 2017. Passei por muita coisa. A falta de títulos com certeza pesa pra mim”, disse meia colorado.

“O torcedor tem a sua razão. Pode cobrar, desde que a cobrança seja pacífica. Não me sinto perseguido, mas se o torcedor cobra é porque viu algo em mim, se identifica”, finalizou Edenilson.


Compartilhe: