Com dois gols de goleiro, Grêmio perde para o CRB e encerra sequência invicta na Série B

Tricolor teve um jogador a mais durante boa parte do jogo

Compartilhe:

Com um jogador a mais durante boa parte do jogo, o Grêmio perdeu para o CRB por 2 a 0, no Rei Pelé, em Alagoas, na noite deste sábado (13). O resultado encerra uma série de dezessete jogos de invencibilidade do Tricolor gaúcho.

Apesar do controle da posse da bola durante boa parte da partida, foi um jogo apático do Grêmio. Distante da melhora apresentada nas últimas rodadas.

Os dois gols do CRB foram marcados na primeira etapa, em duas penalidades convertidas pelo goleiro Diogo Silva. A equipe alagoana ainda perdeu Guilherme Romão, expulso após pisar no pé de Rodrigo Ferreira.

No segundo tempo, quando o Grêmio já estava desde o meio da etapa inicial com vantagem numérica, o Tricolor não conseguiu criar uma chance sequer. O jogo acabou sem o Grêmio levar perigo à meta adversária.

Primeiro tempo

O CRB conseguiu um pênalti logo nos primeiros minutos. Biel derrubou Guilherme Romão na área. O goleiro Diogo Silva bateu e colocou a equipe alagoana em vantagem.

E o CRB era melhor no jogo. Tinha mais volume e entrava na área gremista. Até que, aos 22, após consulta ao VAR, Guilherme Romão foi expulso por entrada em Rodrigo Ferreira. A equipe gaúcha tinha um a mais agora.

O Grêmio passou a ter mais a bola. Mas quem marcou foi o adversário.

Aos 34, mais um pênalti para o CRB. A bola tocou no braço de Geromel dentro da área. De novo o goleiro Diogo Silva foi para a cobrança e ampliou para a equipe alagoana.

A melhor chance do Grêmio veio só nos acréscimos, em oportunidade perdida por Biel.

Segundo tempo

Roger mudou no intervalo. Colocou Bitello no lugar de Geromel, deslocando Villasanti para a defesa. Como era de se esperar, o domínio era gremista. Porém, sem boas chances. O CRB dava sinais de desgaste, mas resistia.

Vieram mais trocas no Tricolor gaúcho. Mesmo assim, o Grêmio segui inoperante.

O tempo ia passando e o Grêmio pouco fazia. O máximo foi um chute de Elkeson, que passou sobre o gol. O jogo acabou sem o Grêmio assustar.

Coletiva

Sobre o jogo, Roger frisou que o “adversário se defendeu muito bem, colocou linha de seis para marcar as amplitudes e nos faltou competência para vencer esse bloqueio”. E destacou que “tivemos a bola, mas fomos pouco contundentes”, concluiu.

Roger concordou sobre a má atuação da equipe. “Foi um jogo ruim, a gente tira pouca coisa, ou melhor, podemos tirar muitas lições dessa partida”, disse.

Situação e próximo jogo

O placar faz o Grêmio cair da vice-liderança para a terceira colocação, ainda com 43 pontos. O próximo jogo do Tricolor é contra o líder Cruzeiro. A partida será realizada no próximo domingo (21), na Arena, às 16h.

Escalações

CRB

Diogo Silva; Raul Prata, Gum, Diego Ivo e Guilherme Romão; Jalysson, Claudinei (Uillian Correia) e Rafael Longuine (Bruninho); Paulinho Mocellin (Richard), Fabinho (Guilherme Lopes) e Gabriel Conceição (Regilado) –4-3-3Técnico: Daniel Paulista

Grêmio

Brenno; Rodrigo Ferreira, Geromel (Bitello), Bruno Alves e Diogo Barbosa; Villasanti, Lucas Leiva (Elkeson), Biel (Thaciano), Campaz (Gabriel Silva) e Guilherme (Janderson); Diego Souza –4-2-3-1Técnico: Roger Machado

Arbitragem

Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo (SP)
Auxiliar: Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP)
Auxiliar: Leandro Matos Feitosa (SP)
VAR: Rodrigo Nunes de Sa (RJ).


Compartilhe: