Identificado homem que teve cabeça encontrada em saco de lixo em Porto Alegre

Caso ocorreu no bairro Santa Tereza, na zona sul de Porto Alegre. Vítima do homicídio foi identificada pela polícia.

Compartilhe:

Uma cabeça humana foi encontrada dentro de um saco plástico na manhã do dia 24 de agosto, em Porto Alegre. A localização ocorreu frente de uma boate localizada na rua Cruzeiro do Sul, no bairro Santa Tereza, zona sul da Capital.

Conforme a Brigada Militar, o local foi isolado por volta das 8h30 da manhã após um catador de lixo encontrar uma cabeça de um homem dentro de uma sacola plástica. A Polícia Civil e o IGP (Instituto-Geral de Perícias) foram acionados.

Imagens de câmeras de videomonitoramento obtidas pela Polícia Civil apontam que o saco plástico foi jogado de dentro de um carro por volta das 6h30 da manhã. Outras câmeras, inclusive da boate, estão sendo analisadas para tentar identificar características do veículo.

A Polícia Civil instaurou inquérito para investigar o homicídio. A partir da identificação da vítima, os investigadores vão tentar identificar quem cometeu o crime, por qual motivo, quando e onde ocorreu e onde está o restante do cadáver.

Segundo a polícia, o homem decapitado foi identificado pela perícia nesta terça-feira (6). Trata-se de Zambi Rodrigues Barros, 29 anos.

Conforme a Polícia Civil, o homem atuava junto ao tráfico de drogas na região e tinha ligação com o grupo criminoso que nasceu na Vila Cruzeiro e atua na zona sul de Porto Alegre.

Zambi havia sido sequestrado de dentro de casa, no bairro Cavalhada, horas antes do crime.


Compartilhe: