Ouça no Meio-Dia: o idoso indiciado por morte de ex-companheira e mais notícias da manhã

Confira as principais notícias da manhã desta segunda-feira, 18 de julho de 2022, no podcast Meio-Dia.

Compartilhe:

Ouça o podcast Meio-Dia também em outras plataformas:

Neste domingo, dia 17 de julho, completou 15 anos do desastre com o voo JJ3054, da companhia aérea TAM. O acidente ainda é a maior tragédia da aviação comercial ocorrida em solo brasileiro. A aeronave saiu do Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, com destino ao aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Ao todo, 187 pessoas estavam a bordo. O pouso foi mal sucedido. o Airbus não conseguiu desacelerar completamente, atravessou a pista, cruzou a avenida Washington Luís, uma das mais movimentadas da capital paulista, e bateu em um prédio de cargas da própria companhia, que ficava em frente ao aeroporto. Com o acidente, 199 pessoas morreram, 12 delas estavam em solo. Entre as vítimas estavam 98 gaúchos ou moradores do Estado. Há anos, a falta de punições pelo acidente se tornou uma marca profunda para as famílias das vítimas. Um relatório do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos, o Cenipa, chegou a fazer um levantamento do ocorrido. Porém, o órgão não é responsável por estabelecer punições, mas sim prevenções. Em 2015, a Justiça Federal acabou absolvendo a ex-diretora da Agência Nacional de Aviação Civil, Denise Abreu, o então vice-presidente de operações da TAM, Alberto Fajerman, e o diretor de Segurança de Voo da empresa na época, Marco Aurélio dos Santos de Miranda e Castro. Por sua vez, a Latam Airlines declarou que “se solidariza com todos aqueles que foram afetados por este acidente há 15 anos.” E disse que: “Embora consciente de que nada poderá compensar as perdas, a companhia se empenhou, desde o primeiro momento, em apoiar os familiares de todas as maneiras e concluir o mais rápido possível o procedimento de indenização.”

A Polícia Civil indiciou um idoso de 69 anos pela morte de Heidi Priebe, de 63 anos, sua ex-companheira. O caso ocorreu em Santa Cruz do Sul, no Vale do Rio Pardo. O homem já estava preso preventivamente desde o dia 11 de julho. Ele foi enquadrado no crime de homicídio duplamente qualificado, em que um dos qualificadores é feminicídio. Ele também deverá responder por perseguição e violação de domicílio. A vítima foi baleada no Centro da cidade, no fim da tarde do dia 11. Moradores de prédios próximos gravaram o momento em que o suspeito atira contra Heide. A vítima havia procurado uma delegacia na semana que precedeu o crime e afirmou que o homem não estaria aceitando o fim do relacionamento. Foi deferida uma medida protetiva contra o suspeito, que estava proibido de ficar a mais de 100 metros da mulher e de seus familiares. Porém, isso não evitou a morte de Heide. Cumprido esse procedimento pela Polícia, o inquérito foi remetido para o Ministério Público, que poderá oferecer denúncia à Justiça contra o suspeito.

Cinco bairros da zona sul de Porto Alegre terão corte no fornecimento de água tratada nesta segunda-feira. O motivo do corte é a conclusão de uma reforma em uma estação de bombeamento. Conforme o DMAE, o serviço ocorre na Estação de Bombeamento Padre Cacique. Os serviços são de conclusão do telhado, instalação de forro e iluminação. No entanto, por questão de segurança, o bombeamento de água é interrompido durante a execução dos serviços. Existe a possibilidade de faltar água desde às 8h, em parte dos bairros Camaquã, Cavalhada, Cristal, Nonoai e Tristeza. A previsão é de normalizar o abastecimento já a partir da tarde, podendo demorar mais nas partes altas. Após o serviço, a água pode apresentar turbidez, que são partículas inertes, não prejudiciais à saúde, e que se desprendem das paredes internas das tubulações quando o abastecimento é retomado. Se a turbidez persistir, solicite lavagem do ramal pelo fone 156 opção 2.

O Ministério da Justiça anunciou a suspensão por tempo indeterminado das atividades de cerca de 180 empresas do setor de telemarketing. A medida engloba principalmente empresas ligadas a bancos e instituições financeiras e vale a partir desta segunda-feira. O ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, se manifestou através de sua conta no twitter. Ele disse que “o Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio da Secretaria Nacional do Consumidor e dos 27 Procons do país, fará uma grande operação contra uma das maiores perturbações do dia a dia do brasileiro: o telemarketing abusivo”. A ação consta no Diário Oficial da União desta segunda-feira e trata das situações em que essas empresas entram em contato com o cliente para ofertar produtos ou serviços sem o prévio consentimento do consumidor. Este, só poderá ser abordado por telefone se tiver manifestado expressamente interesse por esses serviços. A Anatel considera chamadas abusivas também aquelas que não chegam a ser completadas quando o consumidor atende o celular ou que sejam desligadas automaticamente em até três segundos. Segundo a Agência, a multa para as empresas que descumprirem a medida cautelar pode chegar a R$ 50 milhões. O valor será definido pela própria Anatel tendo em vista o porte da empresa e a gravidade da infração.

A segunda-feira começou fria em todo o Rio Grande do Sul. Houve registro de geada e temperaturas próximas a 0ºC em alguns pontos do território gaúcho. Depois, durante o dia, o sol vai predominar com alguma nebulosidade, mas não irá elevar muito as temperaturas. Durante a tarde, as máximas passam dos 10°C, mas não chegam aos 20°C, como em Erechim e Passo Fundo. No Noroeste e Norte, há condições para pancadas isoladas de chuva entre a tarde e a noite, devido à atuação de instabilidades entre Santa Catarina e o Paraná. Conforme a Climatempo, o risco de geada diminui já na terça-feira, mas o frio persiste. A massa de ar polar ainda deixa as temperaturas baixas em todas as regiões. O pico do frio, ainda será entre as madrugadas e manhãs em todo o estado. À tarde, com a presença do sol, as temperaturas sobem um pouco.


Compartilhe: