Inter consegue empate com o Athletico na Arena da Baixada pelo Campeonato Brasileiro

Com o resultado, o Inter vai a 29 pontos e termina o sábado na 3ª colocação da competição nacional

Compartilhe:

O Inter empatou em 0 a 0 com o Athletico-PR na tarde deste sábado (16). A partida foi realizada na Arena da Baixada, em Curitiba, e foi válida pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O jogo foi corrido, com momentos de superioridade do Inter, que não aproveitou o momento. Johnny perdeu uma grande chance no minuto final. Mesmo assim, dado o contexto, de desfalques e a dificuldade imposta pelo adversário, o Inter pode comemorar.

A partida foi bastante intensa desde os primeiros minutos. Nos instantes iniciais, a dinâmica foi de lá e cá e as duas equipes arriscaram. Porém, do meio da primeira etapa para o fim, o Inter foi melhor. A equipe gaúcha trocava passes com facilidade no campo do Athletico. No entanto, não soube transformar o melhor rendimento em gols.

No segundo tempo, o Athletico de Felipão voltou disposto a vencer. E teve chances nos primeiros minutos, inclusive um gol bem anulado de Terans. Mano promoveu trocas. Felipão respondeu. Os momentos finais foram de pressão da equipe da casa. Mas, se no jogo contra o América o Inter fez no fim, dessa vez o colorado perdeu um gol feito no lance final.

Primeiro tempo

O jogo começou estudado. A equipe da casa chegou aos 2, com Cuello. O Inter respondeu na sequência, com De Pena. Ambas chances sem perigo. O Athletico tentava impor o ritmo do jogo, mas o Inter se defendia bem. Faltava uma saída colorada ao ataque para ficar à frente do placar.

Aos 15, o Inter começou a ousar na partida. Primeiro, conseguiu um escanteio. Na jogada, quase gol de Pedro Henrique, que acertou a trave. Nos lances seguintes, o Inter rondou a área do Athletico, mas não conseguiu um lance efetivo.

Até que aos 20, em erro de Vitão, o Athletico quase marcou. Daniel fez bela defesa em chute de Terans. Depois, Canobbio caiu na área e, Abner chutou, exigindo mais uma defesa do goleiro do Inter. O Var analisou o lance, mas o suposto pênalti não foi marcado.

Apesar do susto do Furacão, o Inter estava bem no jogo, que era bastante movimentado. Após a chegada do Athletico, o Inter respondeu aos 25. Mauricio cruzou da esquerda e o goleiro Bento cortou. Na volta, a bola pegou em Pedro Henrique e foi para a linha de fundo. O Colorado adquiria confiança.

O jogo era bastante intenso. Após as investidas do Inter, foi a vez do Athletico se arriscar. Aos 31, Khellven cruzou da direita e Erick cabeceou. A bola bateu no chão e passou por cima do gol.

Aos 34, voltou o Inter. De Pena chutou forte e acertou a trave. A essa altura o Inter era bastante superior na partida. Trocava passes no campo de ataque com facilidade.

Mas o primeiro tempo terminaria com susto para o Inter. Em jogada pela direita, Canobbio superou Moisés, cruzou rasteiro e Terans tentou de letra, mas errou. Erick pegou o rebote e Daniel, mais uma vez, salvou o Inter.

Segundo tempo

Ninguém mexeu no Intervalo. E o Inter já começou o segundo tempo assustando. Pedro Henrique fez jogada pela direita e cruzou. A bola atravessou a área e chegou para De Pena, que cabeceou para fora. Depois a vez do Athletico chegar também em cruzamento, que o Pedro Henrique da equipe da casa cabeceou para fora.

O Athletico tinha mais volume. Aos 11, Canobbio passou para Erick. Da intermediária, ele chutou colocado e a bola passou perto. No lance seguinte, o Athletico assustou de novo. Abner recebeu a bola na área pela esquerda, e, quando tentava o toque para o meio, já era pressionado por Daniel. A bola foi direto para a linha de fundo

Até que, aos 14, o Furacão teve um gol anulado. Abner cruzou da esquerda, e Terans mandou para as redes. Porém, o arremate foi com o braço. O VAR chamou o árbitro e ele anulou o gol. Escapou o Inter. Mano percebeu o time em problemas e fez trocas. Colocou Wesley Moraes no lugar de Alemão, e Johnny no lugar de Maurício.

Minutos depois foi a vez de Felipão mudar. Colocou Vitor Roque, que foi aplaudido, no lugar de Canobbio. Na sequência fez mais uma série de trocas.

Os minutos finais foram de pressão do Athletico, que tinha bastante volume. Mano fez mais mudanças, até para tentar acalmar o jogo. Mas o lance mais perigoso da segunda etapa seria do Inter, e no minuto final. Johnny conseguiu uma sobra e entrou na área. O volante chutou, mas Bento fez ótima defesa.

Situação e próximo jogo

Com o resultado, o Inter vai a 29 pontos e termina o sábado na 3ª colocação da competição nacional. Mas, no domingo (17), o Inter pode ser ultrapassado por Fluminense e Atlético-MG. O próximo jogo do Inter pelo Brasileiro é contra o São Paulo, no Beira-Rio. A partida será realizada na quarta-feira (20), às 20h30.

Escalações

Athletico

Bento; Khellven, Pedro Henrique, Nicolás Hernández e Abner Vinícius; Hugo Moura, Erick e David Terans (Rômulo); Agustín Canobbio (Vitor Roque), Pablo (Pedrinho) e Tomás Cuello (Vitor Bueno) – 4-3-3Técnico: Luiz Felipe Scolari (Felipão)

Inter

Daniel; Heitor, Vitão, Kaique Rocha e Moisés; Gabriel e Edenilson (Lucas Ramos); Pedro Henrique (David), Mauricio (Johnny) e De Pena (Caio Vidal); Alemão (Wesley Moraes) –4-5-1Técnico: Mano Menezes

Arbitragem

Árbitro: Ramon Abatti Abel (SC)
Auxiliar: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP)
Auxiliar: Éder Alexandre (SC)
VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)


Compartilhe: