Banrisul reabre linha de capital de giro do Pronampe

Podem pleitear o empréstimo microempresas com faturamento de até R$ 360 mil por ano.

Compartilhe:
Crédito: Maurício Lima / Banrisul

O Banrisul reabriu, nesta terça-feira (26), a linha de capital de giro do Pronampe (Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte), destinada aos clientes pessoa jurídica. Criado há pouco mais de dois anos para socorrer empresários durante a pandemia de Covid-19, o programa oferece empréstimos para pequenas empresas com juros mais baixos e prazo maior para começar a pagar.

Com a decisão da diretoria do banco, a rede de agências está habilitada a receber, processar e avaliar as propostas de solicitação de crédito. Podem pleitear o empréstimo microempresas com faturamento de até R$ 360 mil por ano, pequenas empresas com faturamento anual de R$ 360 mil a R$ 4,8 milhões e empresas de médio porte com faturamento até R$ 300 milhões.

Conforme o Banrisul, a liberação dos recursos está sujeita à análise cadastral, ao enquadramento nas regras do Programa e à autorização ao Banrisul, por parte da empresa interessada, para a consulta do faturamento anual no Portal e-CAC. O processo de compartilhamento de informações, por meio da Receita Federal, é uma novidade para este ano. Anteriormente, a documentação precisava ser entregue impressa.

Para autorizar, a empresa deverá acessar o Portal e-Cac, informar o serviço de compartilhamento desejado, o CNPJ e o Ano Calendário cujas informações serão compartilhadas. Os próximos passos são a escolha do prazo de vigência da liberação, a seleção do Banrisul como instituição financeira, além de assinar digitalmente a autorização.

O Banrisul repassou, desde o início do Programa, em 2020, R$ 926 milhões em mais de 24 mil operações, até o final do último ano. Os clientes interessados na contratação poderão contatar diretamente o seu gerente ou agência de relacionamento.


Compartilhe: