Com jogadores apanhando para bola, Juventude perde mais uma vez no Brasileirão

No Alfredo Jaconi, o Juventude perdeu de virada por 2 a 1 para o Santos pelo Campeonato Brasileiro.

Compartilhe:

O Juventude segue fracassando em frente a sua torcida no Campeonato Brasileiro. No Alfredo Jaconi, o time Alviverde perdeu de virada por 2 a 1 para o Santos.

Com o resultado, o Juventude chega na sua terceira derrota seguida na competição nacional. Na tabela, o time gaúcho, que tem a defesa mais vazada, está na vice-lanterna, com 10 pontos.

No jogo, na noite desta terça-feira (14), foi o Santos que começou pressionando. Já para o Juventude o grande problema foi a bola.

Em alguns momentos da partida, os jogadores do time Alviverde “apanharam” da bola, Chico foi um deles. Durante os contra-ataque, o jogador desperdiçou duas boas chances para o Juventude ao se enrolar com a bola. O meio de campo do Juventude também sofreu com a ferramenta de trabalho.

Aos 25 minutos de jogo, o Juventude conseguiu abrir o placar. A bola chegou até Chico, que não errou, e fez um cruzamento na medida e Ricardo Bueno tocou de cabeça para o fundo da rede, 1 a 0.

Após o gol, o Santos voltou a pressionar. O time de Eduardo Baptista se fechou todo e saia no contra-ataque, mas faltava qualidade e a bola voltava para o time santista.

Nos acréscimos do primeiro tempo, volante Yuri deu uma entrada forte, tocando na bola, mas acertou o jogador do Santos. O árbitro Rodolpho Toski Marques inicialmente deu cartão amarelo, porém, após revisão no VAR, jogador do Juventude acabou expulso.

No segundo tempo, o Santos fez uma verdadeira blitz para empatar e virar o jogo. Com um a menos, o técnico do Juventude precisou recuar o time.

Aos 11 minutos, Ricardo Bueno fez uma falta desnecessária. Jhojan Julio cobrou a falta e Eduardo Bauermann antecipou a marcação do Juventude para mandar de cabeça para o fundo das redes de César, 1 a 1.

Aos 31, Marcos Leonardo iniciou a jogada, tabelou com Ângelo e recebeu entre a marcação do Juventude, e finalizou para fazer o segundo do Santos, 2 a 1.

Nos minutos finais, todo desorganizo e sem qualidade técnica, o Juventude tentou uma pressão, mas ficou assim mesmo: Santos 2 a 1.

No próximo domingo (19), o Juventude encara o Atlético-GO, fora de casa, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Foto: Fernando Alves/ECJuventude

Compartilhe: