Entrou o Pix: direção do Inter quita parte de dívida e jogadores voltam a treinar

O presidente do Inter, Alessandro Barcellos, concedeu uma entrevista e comentou sobre o caso.

Compartilhe:

Depois de uma manhã que teve protesto dos jogadores, que se negaram a treinar no CT Parque Gigante nesta quarta-feira (1), houve reapresentação e treino à tarde no Inter.

A direção colorada pagou parte dos salários atrasados. O presidente Alessandro Barcellos concedeu uma entrevista coletiva e comentou sobre o caso. Segundo ele, houve falha na comunicação. “Tínhamos recursos para entrar entre hoje e amanhã. Talvez faltou passar isso aos jogadores”, ressaltou.

Na coletiva de imprensa, Barcellos também disse que não vai fazer juízo em relação ao protestos dos jogadores do Inter. Segundo ele, já é uma página virada no Beira-Rio.

“Os jogadores, por óbvio, têm o direito como todos os trabalhadores. Portanto, não vou fazer juízo quanto ao direito e legitimidade ao time de manifestação. O que surpreendeu é que esse assunto vinha sendo resolvido. Então, agora, é olhar para frente e virar a página. Essa situação está resolvida” afirmou.

Treino

Durante a tarde, o treinador Mano Menezes comandou atividades técnicas e táticas. Contando com quase todos jogadores à disposição no gramado, o treinador do Inter realizou exercícios de posse de bola em curto espaço de campo. Depois, um treinamento de posicionamento e movimentação.

Ainda restam mais três treinos pela frente para o técnico definir o time que entrará em campo contra o Bragantino.

O jogo será realizado no domingo (5), às 19h, no estádio Nabi Abi Chedid, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro.

Imagem do treino na tarde desta quarta-feira. Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Compartilhe: