Anvisa recolhe Losartana por possível presença de sujeira na fabricação

A empresa responsável pelo Losartana Potássica 50 mg é a Vitamedic Indústria Farmacêutica LTDA.

Compartilhe:

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) adotou uma medida preventiva e recolheu um medicamento para hipertensão que pode ter sido contaminado durante o processo de fabricação.

Segundo a Anvisa, trata-se do Losartana Potássica 50 mg. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União, confira aqui.

O recolhimento voluntário foi iniciado pela própria empresa fabricante do medicamento, segundo a Anvisa. A empresa responsável pelo Losartana Potássica 50 mg é a Vitamedic Indústria Farmacêutica LTDA.

Além de hipertensão, o medicamento pode ser indicado para pessoas que enfrentam algum caso de insuficiência cardíaca, diabetes tipo 2 e proteinúria.


Compartilhe: