Novos ataques russos matam ao menos cinco civis em Odessa

Ao menos seis mísseis foram lançados do Mar Cáspio, sendo que dois foram interceptados, dois atingiram infraestruturas militares e outros dois edifícios residenciais.

Compartilhe:

O governo ucraniano informou neste sábado (23) que novos ataques russos em Odessa, no sudoeste do país, deixaram pelo menos cinco civis, incluindo um bebê de três meses, mortos e 18 feridos.

Segundo o Comando Aéreo do sul da Ucrânia, citado pelo Ukrinform, seis mísseis foram lançados do Mar Cáspio, sendo que dois foram interceptados, dois atingiram infraestruturas militares e outros dois edifícios residenciais.

A defesa de Kiev também reivindica a destruição de dois drones inimigos, que teriam sido usados para corrigir a trajetória dos foguetes.

Do outro lado do país, em Luhansk, ataques de artilharia deixaram ao menos dois mortos. Controlada por separatistas, a região é uma das cidades que a Rússia anunciou que pretende tomar todo o controle.

Já em Kherson, dois generais russos foram mortos e um terceiro está em estado crítico, de acordo com o Ministério da Defesa ucraniano. Conforme fontes internacionais, o número de altos oficiais do Exército russo que morreram no campo de batalha desde o início da invasão da Ucrânia subiu para 17.


Compartilhe: