“A gente tem que deixar a tristeza de lado e voltar a reunir forças”, diz o técnico do Grêmio após eliminação na Copa do Brasil

O técnico gremista também ressaltou que é preciso virar a chave neste momento. E pede apoio da torcida do Grêmio.

Compartilhe:
Roger Machado durante o jogo contra o Mirassol. Foto: Lucas Uebel/Grêmio

 

A noite desta terça-feira (1) foi muito ruim para torcida gremista. No estádio José Maria de Campos Maia, no interior de São Paulo, o Grêmio perdeu para o Mirassol por 3 a 2, em duelo válido pela primeira fase da Copa do Brasil.

Com a derrota, o time do técnico Roger Machado, que tinha a vantagem do empate, não conseguiu avançar na competição nacional. Essa foi a primeira vez que o Grêmio foi eliminado na primeira fase da Copa do Brasil.

Roger falou sobre a eliminação. “Vamos ter que reconstruir a autoestima desse grupo. Não podemos nos habituar a perder”, disse.

O técnico gremista também ressaltou que é preciso virar a chave neste momento.

“A gente entende a frustração do torcedor nesse evento e, sobretudo, no rebaixamento do ano passado. Porém, o sofrimento tem algumas fases e, nesse momento, é a fase que a gente tem que deixar a tristeza de lado e voltar a reunir forças”, ressaltou.

“A gente precisa que o torcedor esteja do nosso lado, mesmo doído pela eliminação na Copa do Brasil, mesmo num ano difícil. A gente vai precisar que o nosso torcedor esteja sempre ao nosso lado, porque é dele que nós vamos tirar energia”, completou.


Compartilhe: