Governo do RS encomenda estudo sobre flexibilização do uso de máscaras em ambientes ao ar livre

A solicitação para a realização do estudo foi realizada pelo Gabinete de Crise, responsável pelo enfrentamento da pandemia de Covid-19.

Compartilhe:

O Governo do Estado do Rio Grande do Sul afirmou, nesta quarta-feira (9), que encomendou um estudo sobre a possibilidade de flexibilização do uso de máscaras ao ar livre. A solicitação foi realizada pelo Gabinete de Crise, responsável pelo enfrentamento da pandemia de Covid-19.

Na segunda-feira (7), o Rio de Janeiro, flexibilizou as regras. Um decreto concedeu autonomia para que cada um dos 92 municípios fluminenses decida sobre o fim da obrigatoriedade mesmo ambientes fechados. Em São Paulo, o governo deve comunicar, nesta quarta-feira, o fim da obrigatoriedade do uso de máscara em ambientes abertos em todo o estado.

Segundo o Palácio Piratini, não há prazo para a definição do estudo e da possível mudança.

Redução de alerta para avisos

Ontem (8), o governo do Rio Grande do Sul decidiu retirar todos os Alertas e emitir Avisos a todas as regiões Covid do Sistema 3As de Monitoramento.

“Estamos presenciando queda no número de casos registrados, de ocupação de leitos de hospital e de óbitos. A tendência é seguirmos em redução nas próximas semanas. Dessa forma, com o aval técnico, decidimos retirar o Alerta de todas as regiões”, afirmou o governador em exercício Ranolfo Vieira Júnior.

O governo do Estado ressaltou que embora haja queda significativa dos indicadores considerados, observa-se que ainda há elevadas taxas de contaminação e de mortalidade.

E, mesmo com a redução, os índices ainda estão acima dos números registrados em dezembro do ano passado, período antes do surgimento da variante ômicron.


Compartilhe: