Espetáculo sobre início da Guerra dos Farrapos será encenado em frente ao Palácio Piratini

O evento, gratuito, está com os ingressos esgotados para as duas apresentações em estrutura montada em frente ao Palácio Piratini, no centro da capital.

Compartilhe:
Cena do espetáculo em apresentação na cidade de Guaíba. Foto: Maris Strege / Divulgação

 

Palco de importantes acontecimentos da história gaúcha, o Palácio Piratini, em Porto Alegre, irá receber um espetáculo teatral em homenagem ao centenário do prédio.

Neste sábado (19) e domingo (20), às 20h, será apresentado o espetáculo “Do Cipreste ao Piratini – a origem”, peça de Rinaldo Souto que conta com mais de 80 artistas e narra acontecimentos importantes que levaram ao início da Guerra dos Farrapos.

O evento, gratuito, está com os ingressos esgotados para as duas apresentações em estrutura montada em frente ao Palácio Piratini, no centro da capital.

Dividido em três atos, o enredo apresenta os eventos ocorridos entre 18 e 21 de setembro de 1835, quando as tropas de Bento Gonçalves e Gomes Jardim tomaram o antigo Palácio de Barro, onde fica hoje o Piratini, até então sob poder do império.

Tudo isso culmina na cena final, um discurso de Bento em uma da sacadas do Palácio Piratini. O general será interpretado pelo cantor nativista Manity Oliveira. O elenco contará com outros nomes conhecidos do cenário gaúcho.

Gomes Jardim será interpretado por Fábio Malcorra, enquanto Onofre Pires será o personagem de Alessandro Lauffer. O elenco principal conta também com a representação da força da mulher gaúcha, através das participações de Kauana Neves interpretando Dona Leonor e Denise dos Santos Dona Caetana.

O espetáculo conta com cenas produzidas, como um ritual da maçonaria entre lideranças farroupilhas e um baile com trajes de época, além de cenários como o cipreste da fazenda de Gomes Jardim. A montagem irá trazer ainda duas cenas que buscam exaltar a atuação feminina na guerra.

A apresentação também terá transmissão ao vivo pela página da @setur e @docipresteaopiratini.

 


Compartilhe: