Fifa proíbe Rússia de disputar Eliminatórias e Copa do Mundo

Decisão da FIFA foi tomada em conjunto com a Uefa e é resposta à guerra na Ucrânia

Compartilhe:

A Fifa e a Uefa anunciaram nesta segunda-feira (28) que a seleção da Rússia e os clubes do país foram suspensos por tempo indeterminado. Com isso, o país está vetado de disputar todas as competições internacionais, incluindo a Copa do Mundo do Catar.

A decisão, que foi tomada em conjunto com a Uefa, envolve todas as equipes russas, incluindo seleções de base, masculinas e femininas. O governo de Vladimir Putin pode recorrer da decisão ao TAS (Tribunal Arbitral do Esporte).

A seleção da Rússia estava na chave B dos playoffs das eliminatórias da Copa do Mundo 2022, com confronto marcado contra a Polônia – que se recusava a enfrentar os russos. Até agora, no entanto, não há informações se a seleção polonesa se classificará diretamente.

Em comunicado conjunto, os presidentes da Fifa e da Uefa pediram paz na Ucrânia para que o futebol possa voltar à sua situação normal.

“O futebol está totalmente unido neste campo e em total solidariedade com toda a população afetada na Ucrânia. Os presidentes das entidades estão confiantes de que a situação na Ucrânia melhorará significativa e rapidamente, para que o futebol possa voltar a ser o portador da unidade e da paz entre os povos”, diz a nota.

A decisão é tomada no mesmo dia em que o COI (Comitê Olímpico Internacional) recomendou às federações de cada modalidade que excluam atletas de Rússia e Belarus de todas as competições internacionais, após a invasão russa na Ucrânia.

No último domingo, a Fifa já havia anunciado um primeiro pacote de punições contra a Rússia, que incluía a proibição de jogar em seu território e de usar símbolos como bandeira e hino.


Compartilhe: