Secretaria da Saúde de Porto Alegre confirma mais 51 casos da variante Ômicron

As amostras são de pessoas residentes na Capital e que não tem qualquer vínculo com casos já confirmados anteriormente

Compartilhe:

Mais 51 casos da variante Ômicron do vírus Sars-CoV-2, que causa a doença Covid-19, foram confirmados pela SMS (Secretaria Municipal da Saúde) de Porto Alegre. Com esses novos casos, sobe para 74 o número de confirmações a partir de análise por genotipagem.

As amostras são de pessoas residentes em Porto Alegre e foram coletadas de forma aleatória, em laboratórios privados da cidade. Ou seja, são de pessoas que testaram para Covid-19 e não tem qualquer vínculo com casos já confirmados anteriormente. Ao todo, 62 amostras de exames RT-PCR com resultado foram encaminhados para análise de genotipagem, que é conhecer por qual variante que houve infecção.

“O resultado desses exames reitera o que a ciência vem afirmando desde a descoberta da nova variante: ela é altamente transmissível e a melhor forma de prevenir a infecção é manter as medidas de precaução: uso correto de máscara, distanciamento social, higiene frequente de mãos, completar o esquema vacinal e, sempre que possível, manter-se afastado de aglomerações”, enfatiza o diretor da DVS (Diretoria de Vigilância em Saúde), Fernando Ritter.

Ele destaca, ainda, que diante de qualquer sintoma, a recomendação é manter-se isolado, evitando comparecimento a qualquer aglomeração. “Precisamos lembrar que as medidas adotadas agora terão reflexo em 15 dias”, resume o diretor. O atendimento a pacientes sintomáticos e contatos de casos confirmados é feito em mais de 130 unidades de saúde da Capital, que encaminham para testagem se for necessário.


Compartilhe: